Mulher dá à luz no carro após ter apenas 40 minutos de contração: “Foi uma loucura!”

Especialistas afirmaram que algumas mulheres tem trabalho de parto mais rápido do que outras, devido à condição física

Resumo da Notícia

  • Mãe dá à luz no carro a caminho do hospital
  • O trabalho de parto durou 40 minutos
  • O tempo é mais rápido do que o normal, comparado com outras mulheres

A designer, Martina Seefeld Storck, de Curitiba (PR), estava grávida da segunda filha e contou a experiência em ter contrações por 40 minutos e dar à luz no carro. Ela relatou esperar por um trabalho de parto mais rápido do que o do primeiro filho, já que o corpo já havia passado pela mesma situação anteriormente.

-Publicidade-

“Nossa bebê nasceu no carro e foi uma loucura!”, disse ela, não imaginando que a filha nasceria em apenas 40 minutos após as contrações, e muito menos, nascendo a caminho do hospital. “Eu sentia uma contração bem forte a cada dois minutos, então ligamos para o médico e ele falou para irmos direto para o hospital’, contou. As contrações começaram na madrugada do dia 28 de setembro. “Era tanta dor que estava impossível descer a escada”, relembrou.

Mãe dá à luz no carro
Mãe dá à luz no carro (Foto: Getty Images)

O marido de Martina, Guilherme Storck, ajudou em todo o processo do nascimento da filha. “Só que, na hora de ligar o carro, gritei que a nenê ia nascer, então meu marido abriu a porta do passageiro para eu esticar a perna e, em segundos, já pegou nossa filha”, disse. “Foram duas forças e pude segurá-la nos braços sem acreditar no que estava acontecendo”, relatou.

A bebê, Giovana, nasceu com 48 centímetros às 00:50h com 3,2kg. “Foi bem desesperador, mas graças a Deus deu tudo certo”, conta a mulher de 33 anos, sem entender o porquê do parto ter sido tão rápido. “Deve ser algo do meu corpo”, contou os pais.

O médico e obstetra André de Paula Branco, afirmo que as condições físicas podem acelerar o trabalho de parto. “Desde a constituição dos tecidos, posição da pelve, capacidade de passagem do bebê e até quantidade de contrações”, disse o diretor técnico do GNDI Hospital e Maternidade Brígida, de Curitiba.

Mulheres que já tiveram filhos também pode facilitar no processo de aceleração do tempo do trabalho de parto. No entanto, ainda não ocorre com todas. “Afinal, existem vários fatores associados, como quantidade de partos, idade gestacional, tamanho e posição da criança e, ainda, intensidade e frequência das contrações”, disse.