Mulher de 110 anos planta milhares de árvores depois de descobrir que não poderia ter filhos

A ideia era cria vidas de outra forma. Ela vem inspirando as novas gerações, e chegou a receber inúmeros prêmios por isso

Resumo da Notícia

  • Saalumarada Thimmakka é uma ambientalista de 110 anos que há décadas é defensora da natureza;
  • Ao longo da vida, a centenária plantou 8 mil árvores ;
  • Ela vem inspirando as novas gerações, e chegou a receber inúmeros prêmios por isso.

Saalumarada Thimmakka é uma ambientalista de 110 anos que há décadas é defensora da natureza. Ao longo da vida, a centenária plantou mais de 8 mil árvores e vem inspirando as novas gerações, e chegou a receber inúmeros prêmios por isso.

-Publicidade-

A indiana e o marido começaram plantando 385 figueiras em um terreno de 4 km e também plantaram arbustos espinhosos nas áreas circundantes para proteger as figueiras de animais selvagens. O casal transportava água por vários quilômetros para regar as plantas do local.

A centenária plantou mais de 8 mil árvores (Foto: Reprodução)

Mesmo após a morte do marido, a ambientalista se dedicou ao meio ambiente. Além do amor pelas árvores e pela natureza, ela criou uma instituição de caridade chamada Saalumarada Thimmakka International Foundation.

A instituição atua no cuidado ambiental e com as pessoas. Eles doam medicamentos, e reúnem recursos para idosos. Atualmente, Saalumarada é conhecida como “a mulher do bosque”.

A centenária plantou mais de 8 mil árvores (Foto: Reprodução)

A motivação da indiana veio do fato de que ela não poderia  ser mãe e decidiu criar vida de outras formas. Seu nome, que significa “fileira de árvores” o que já indicava que Thimmakka poderia ser uma entusiasta do meio ambiente.