Mulher fala da importância da reciclagem de roupas e compartilha experiência

Ela desapega online das peças do filho

Tem vários itens infantis nessa plataforma (Foto: reprodução/Antes de Mim/Lojinha da Karina Hi)

Essa camiseta marcou muito a mãe Karina Hi por ser uma das primeiras roupas que o filho usou ao nascer. Com seis meses de idade, quando tentou vestir novamente, a peça já estava muito apertada e não cabia nele.

-Publicidade-

“Nós (mães) perdemos um pouco a dimensão do crescimento. Parece que o filho vai crescendo, mas continua sendo um bebê”, comenta. Como mãe de primeira viagem, aprendeu isso na prática e mudou os hábitos de consumo. 

Quando estava grávida, pensava em dar tudo do bom e do melhor para o filho e acreditava que isso era sinônimo de um enxoval novo e super recheado, mas depois de dar à luz e ver o filho perdendo roupas praticamente sem uso, repensou. 

-Publicidade-

“Hoje, eu tenho comprado todas as roupas do Tom por sites e aplicativos, pagando um terço do valor de fábrica”, comemora. Não apenas a questão financeira pesou na balança, mas o impacto ambiental. 

Por isso, ela decidiu desapegar no site Antes de Mim, um brechó online em que você pode anunciar e comprar produtos novos e seminovos sem sair de casa. 

Karina quer construir um futuro melhor para o filho e para o planeta. Por isso, deixou o apego emocional de lado e decidiu vender: “O bacana em empreender é que você recupera uma parte do valor que você investiu para reinvestir no filho”.  

Além da troca comercial, o site também possibilita uma troca de vivências entre as mães que ela elogia muito o espaço. Tenha a experiência completa acessando o link e criando a sua conta! 

Leia também:

Mãe pensa no futuro da filha valorizando o passado e desapega online

Mãe dá exemplo de empatia e ajuda outras famílias de um jeito diferente

Brechó infantil é forma de mãe ensinar sustentabilidade para o filho

-Publicidade-