Família

Negócio próprio é xodó de mãe que busca se renovar todos os dias

Tudo começou antes da maternidade e se fortificou com a vinda do filho - reprodução/Arquivo Pessoal
reprodução/Arquivo Pessoal

Publicado em 09/08/2019, às 08h02 - Atualizado em 30/01/2020, às 19h27 por Yulia Serra, Editora de conteúdo especializado | Filha de Suzimar e Leopoldo


Tudo começou antes da maternidade e se fortificou com a vinda do filho (Foto: reprodução/Arquivo Pessoal)

Tomar a decisão de largar o emprego fixo para empreender não é fácil, mas Luciana Zukas sabia que era o melhor caminho para se realizar pessoal e profissionalmente. Ela compartilhou o processo e dia a dia de ter um negócio

“Tenho 43 anos, sou casada, mãe do pequeno Ravi, de quase 3 anos (meu bonequinho mais lindo), formada em design de interiores e de produto. Criadora e a faz tudo da LuMZZ. Minha vida como empreendedora começou na época da faculdade. Fiz estágio na Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo e participei em um dos projetos sociais, por isso íamos buscar retalhos no Bom Retiro. 

Era uma Kombi por semana recheada de resíduos têxteis. Aquilo me encantava, as estampas, as cores e podíamos levar para casa, pois o projeto não dava conta de consumir tudo. Aprendi a costurar sozinha (com dicas da minha mãe), comecei a criar peças, bolsas, aplicações em camisetas, broches e com o tempo fui enveredando para o mundo das bolsas de tecidos. 

Criava os meus desenhos, vendia em lojas, fiz modelos exclusivos para algumas marcas. Mas sempre existia a vontade de fazer uma boneca. Fiz uma peça. Não tive sucesso. Surgiu a ideia de fazer bichinhos, me sugeriram sapo, que estava na moda, e assim desenvolvi o primeiro pernudo. Segui com o coelho na Páscoa, gato, e não parei mais. 

Fui aperfeiçoando, queria que fossem fofos, gostosos de abraçar, então comecei a utilizar malha e o enchimento que desse essa textura, assim surgiram os bichinhos hipoalergênicos de malha. Com o tempo, agreguei valor: podem ser laváveis a máquina. Assim a LuMZZ tomava outro rumo. Decici vender pela internet, foi dando super certo, criei novos produtos conforme as pessoas iam pedido. Seguindo meu estilo.

Me casei e a vontade de ter um filho apareceu (sempre tive muito medo de ser mãe). Fomos protelando. Esperando o momento certo, estabilidade, enfim nunca alcançávamos ‘esse momento’. Pela idade, não dava para esperar muito mais, me preparei e parei de tomar o anticoncepcional e depois de três meses estava grávida

Continuei trabalhando como nunca, me senti muito feliz. Sabia que pararia por um tempo, na minha imaginação bem curto, e sonhando que rumo a LuMZZ tomaria, que iria crescer. Queria fazer feiras maiores, vender mais. Mas não planejei isso. O Ravi nasceu em um parto nenhum pouco humanizado e demorou a ganhar peso. Pirei no puerpério, que demorou uns 6 meses para passar. Eu queria voltar a trabalhar, sentia muita falta. Sentia como se não estivesse fazendo nada. 

O pequeno se tornou um menino forte, saudável e ativo. Nos horários de sonecas dele, comecei a me dividir nas tarefas da casa e meu trabalho, numa correria louca e assim fui retomando o meu trabalho. Nesse meio tempo, meu marido teve um infarto e depois foi mandado embora da empresa que trabalhava, ficando um ano desempregado. Me senti responsável pelas contas e alguns meses não consegui pagar.

Atualmente, o marido está trabalhando, o Ravi está na escola, porém, não consegui ainda me organizar o suficiente. Meu tempo de trabalho também é muito reduzido. Tomar conta de tudo já aprendi que não é possível. Ainda fica algo para trás, inclusive o sonho na época da gravidez. Estou tentando me atualizar, estudar e me organizar para que a LuMZZ seja uma marca consolidada no mercado e ser uma mãe melhor.”

Luciana foi uma das mães que participaram do projeto Nascer de Novo, nossa parceria com a Brascol para valorizar e incentivar o empreendedorismo materno. Assim como a história dela, outras estão sendo compartilhadas para incentivar mais mulheres a seguirem os sonhos.

Leia também:

Mãe encontra propósito no trabalho empreendendo e cria projeto sustentável

“Queria que a minha experiência profissional e a maternidade servissem ao meu propósito”, diz empreendedora

Paixão pela maternidade faz mãe se aventurar no empreendedorismo e se redescobrir


Leia também

Registro feito por Ana Paula Siebert ao lado de Roberto Justus - Reprodução/Instagram

Família

Roberto Justus fala sobre desgaste no relacionamento com Ana Paula Siebert: “Ela odeia”

Deborah Secco posta nova foto da filha - Reprodução/Instagram

Família

Deborah Secco mostra detalhes do quarto da filha e impressiona com decoração luxuosa

Sasha tem dois irmãos por parte de pai - reprodução / Instagram

Família

Sasha Meneghel abre o jogo e fala sobre relação com os irmãos: “Tive que dar uma regulada nisso”

Ela só queria que o filho se sentisse parte da família (Foto: Reprodução/Facebook

Família

Família adota criança de 12 anos e recebe surpresa de banco: “Não existia, mas criaram um jeito”

Virginia conta planos para chá revelação do terceiro filho - (Foto: reprodução/Instagram)

Gravidez

Virginia dá detalhes do chá revelação do 3º filho: "Diferente dos outros"

Menina participa em competição com cabelo inspirado em refrigerante - Reprodução/ Twitter

Criança

Mãe viraliza ao fazer na filha um penteado inspirado em um refrigerante; veja o vídeo

Filho de Giovanna Antonelli e Murilo Benício conta projeto profissional: "Sai do meu bolso" - (Foto: Reprodução/Instagram)

Ele cresceu! 🥰

Filho de Giovanna Antonelli e Murilo Benício se torna modelo e prova que a beleza é de família

Alexandre Correa chama Ana Hickmann de "amante de Edu Guedes" em nova nota - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Ex de Ana Hickmann faz novas acusações e afirma: "Amante do Edu Guedes"

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!