Neymar apoia campanha de família que busca doador de medula óssea para filho de 2 anos

O jogador da seleção brasileira utilizou as redes sociais para

Resumo da Notícia

  • Neymar apoiou a campanha de uma família
  • Eles buscam medula óssea para o filho diagnosticado com leucemia
  • Outros famosos também apoiaram a causa

Daniel é um menino de 2 anos e 8 meses que está enfrentando desde pequeno uma batalha contra a leucemia. Na intenção de achar um doador de medula óssea compatível para o garoto, a família da criança começou uma carreata por Rio Verde, em Goiás, além de uma campanha nas redes sociais que contou com o apoio de famosos, como o do jogador Neymar. 

-Publicidade-

Após a descoberta da doença há pouco mais de um ano, Daniel precisou se mudar com os pais para Brasília, onde faria o tratamento com quimioterapia. De acordo com a tia do menino, a notícia do câncer abalou as estruturas da família: “Quando saiu o resultado que indicou que a leucemia estava presente tanto na medula óssea quanto no líquor, a gente caiu de um prédio de 300 andares”, disse Lívia Guimarães de Carvalho para o portal de notícias do g1.

Neymar apoiou a causa nas redes sociais
Neymar apoiou a causa nas redes sociais (Foto: Reprodução Instagram @neymar)

Uma campanha foi formada nas últimas semanas para atrair doadores de medula óssea. Uma das ações foi utilizar um carro de som e cartazes que promoviam a página “Ajude Daniel Guimarães” nas redes sociais.

Muitas pessoas foram impactadas pela mensagem, sendo uma delas Neymar: “Espero que quem puder ajudar o ajude e que ele se recupere o mais rápido possível”, disse o jogador em um vídeo publicado nos stories do Instagram.

Além do craque brasileiro, outros famosos como César Menotti, Fabiano, Felipe Araújo, Cleber e Cauan também apoiaram a ação. “Ele está precisando fazer um transplante e está precisando achar doador. Eu peço que você vá ao hemocentro da sua cidade e se cadastre como doador. Você pode ajudar a salvar o Daniel e também a vida de outras pessoas”, pediu o cantor Cesar Menotti.