Noivo atropelado no dia do casamento vai para a cerimônia de cadeira de rodas com família

Silvio Anderson da Silva Vanderlei estava saindo para o cabelereiro de moto quando foi atingido por um carro. Apesar da fratura exposta e necessidade de cirurgia, ele fez questão de manter a cerimônia

Resumo da Notícia

  • Um casal levou um susto daqueles no dia do casamento
  • Isso porque o noivo foi atropelado pouco tempo antes da cerimônia
  • Ele foi levado ao hospital e passou por cirurgia, mas mesmo assim fez questão de manter o evento

O dia do casamento é sempre muito marcante para o casal, e uma cerimônia em Araguaína, em Tocantins, teve um significado ainda maior. Isso porque o noivo, Silvio Anderson da Silva Vanderlei, foi atropelado poucas horas antes do evento.

-Publicidade-
Um policial militar foi atropelado no dia do casamento e mesmo após a cirurgia, manteve a cerimônia
Um policial militar foi atropelado no dia do casamento e mesmo após a cirurgia, manteve a cerimônia (Foto: reprodução/G1)

Mesmo com uma fratura exposta e após uma cirurgia, o policial militar não teve dúvidas e manteve a cerimônia para o mesmo dia. Dessa forma, ele subiu ao altar em uma cadeira de rodas e acompanhado por familiares.

O homem estava saindo de casa para ir até o salão de cabelereiro de moto quando foi atingido por um carro. “Eu estava no salão a uma esquina do acidente e vi ele todo ensanguentado”, lembrou a noiva, Ana Paula Barbosa de Sena, em entrevista ao G1.

Ela, que já havia perdido um marido por assassinato em 2016, temeu reviver o passado: “No momento do acidente achei que ele também não ia sobreviver porque naquele momento a gente não sabe o que realmente aconteceu. Tremi as pernas, comecei a bater os queixos era como se eu estivesse revivendo aquele trauma. Eu estava fora de mim e anestesiada pelo choque. Ele foi para o hospital de emergência e precisei ir para a UPA”.

Felizmente, todos ficaram bem e após meses de planejamento da festa, ela aconteceu, apenas com um certo atraso. Ainda sob efeito de medicamentos, o noivo pôde dizer o tão aguardado sim, mas na sequência já foi levado ao hospital para continuar o tratamento.

“Fiquei com o rosto inchado de tanto chorar. Eu estava em choque e queria em outra data, mas ainda bem que aconteceu. Ele fez uma declaração de amor mais que perfeita. Teve tanto amor por mim e respeito por todos que estavam ali. Ele parece um super-herói”.