Obra de Pablo Picasso é reconstruída através de inteligência artificial e impressão 3D

Obra, A Nua Agachada e Solitária, de Pablo Picasso, foi recriada por empresa através de inteligência artificial

Resumo da Notícia

  • Obra de Pablo Picasso foi recriada por inteligência artificial
  • Uma empresa conseguiu pincelar no estilo do artista
  • A impressão foi feita no modelo 3D

A obra do artista, Pablo Picasso, “A Nua Agachada e Solitária”, foi recriada através de inteligência artificial e impressão 3D pela Oxia Palus, uma empresa que usa a tecnologia para ressuscitar artes perdidas.

-Publicidade-

Picasso realizou a pintura sobre a figura de “A Refeição de um Homem Cego” de 1903. O homem nu foi mostrado de forma parcial através de uma imagem flourescente de raios X sobreposta. No entanto, a empresa cumpriu com o objetivo de trazer de volta aquilo que parecia não ter mais vida, como foi referido no comunicado.

Pintura de Pablo Picasso é recriada
Pintura de Pablo Picasso é recriada (Foto: Reprodução / CNN)

Foi utilizado imagens XRF e processamento de imagens para mostrar, primeiramente, o contorno da pintura que estava oculta. Logo depois, ele foi sendo preenchido através de pinceladas digitais no padrão de pintura das obras do artista. Após esse procedimento, um mapa foi gerado da altura do retrato para dar textura. A obra foi impressa no modelo 3D.

A empresa, Oxia Palus, foi co-fundada por George Cann e Anthony Bourached, dois candidatos a PhD com especialização em máquinas na University College London (UCL).

“A arte é um repositório de informações complexas e o aprendizado automatizado se desenvolveu a ponto de nos ajudar a analisar essas informações”, afirmou Anthony Bourached, um dos co-fundadores à CNN. “Agora temos sistemas complexos que podem nos ajudar a entender melhor nossa história e cultura”, acrescentou.

“Embora as imagens de raios-X sejam úteis para revelar imagens que foram pintadas, a inteligência artificial adiciona outra camada à nossa análise”, finalizou.