Pai assassina instrutor de academia que cometia assédio contra as filhas em São Paulo

De acordo com a Polícia Militar de Araras, o acusado do crime contou que as duas filhas estavam sendo importunadas pelo funcionário da academia

Em terras paulistas, um instrutor de academia chamado Nelson Ré Soares, de 28 anos, foi assassinado a tiros após uma discussão com o pai de duas estagiárias do local na noite da última sexta-feira, 22, em Araras, município de São Paulo. O suposto assediador foi atingido na região da cintura e chegou a ser atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas acabou falecendo assim que chegou no hospital.

-Publicidade-

Segundo a Polícia Militar, o pai ficou sabendo que o instrutor estava importunando as filhas e, assim, um familiar foi buscar as irmãs na academia, quando o instrutor teria agredido uma das filhas e tentou agredir o suspeito durante a discussão, momento em que o pai atirou três vezes contra ele.

O pai confessou o crime no interior de SP (Foto: Reprodução)

No boletim de ocorrência, este também consta que foram identificados dois registros de casos na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) contra o assediador e que os incômodos ficaram piores quando o pai reclamou do instrutor ao gerente da academia onde o crime foi estabilizado.

O acusado do assassinato foi autuado em flagrante e confessou o crime na presença do seu advogado. O homem permaneceu preso para passar por audiência de custódia e a Polícia Civil constatou que ele tinha autorização para posse de arma, o que ocasionou o crime. Foram apreendidas duas armas de propriedade do pai.

O assédio sexual é uma realidade na vida da maior parte das mulheres brasileiras: 71% conhecem alguma mulher que já sofreu assédio em espaço público e, ainda mais impressionante, 97% dizem já ter sido vítimas de assédio em meios de transporte. O dado é da pesquisa realizada pelo órgão governamental da ONU, o Instituto Patrícia Galvão.

Assista agora ao POD&tudo com Marcos Piangers e Ana Cardoso! Em um bate papo muito divertido, eles falam da estreia do filme “O Papai é Pop”, inspirado no best-seller de Piangers, interpretado por Lázaro Ramos e Paolla Oliveira, que estreia no próximo dia 11 de agosto.