Pai dá vodka para filho de apenas 12 anos e menino é internado após passar mal

A criança de 12 foi encontrada dentro de sua residência consumindo bebida alcoólica na companhia do pai. O homem foi levado à delegacia e responderá por fornecer e ministrar bebida alcoólica para criança ou adolescente

Resumo da Notícia

  • Uma criança de 12 anos foi encontrada consumindo bebida alcoólica na companhia do pai
  • O garoto passou mal e foi levado à UPA (Unidade de Pronto Atendimento)
  • O homem responderá por fornecer e ministrar bebida alcoólica para criança ou adolescente

Durante a madrugada desta sexta-feira, 6 de maio, um menino de 12 foi socorrido e encaminhado à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Almeida – após ingerir vodka dada por seu pai. O consumo do álcool fez com que a criança passasse extremamente mal, tendo que recorrer ao atendimento médico. O pai do garoto foi encaminhado à delegacia por dar bebida proibida para menores de 18 anos.

-Publicidade-

De acordo com o jornal Mídia Max, uma testemunha encontrou o menino passando mal e vomitando nas ruas do bairro Jardim Aeroporto. O garoto estava acompanhado de sua irmã. Logo na sequência, a polícia foi acionada, e quando chegou no local, os irmãs contaram que fugiram de casa acompanhando a mãe, que estava sendo agredia pelo pai. No entanto, no meio da fuga, eles se perderam da mulher.

Bebida para menor de idade
O pai foi preso após oferecer vodka para criança de 12 anos (Foto: Reprodução)

Os militarem conseguiram localizar o endereço dos irmãos, mas chegando à residência da família, encontraram o pai do menino de 12 anos, que informou estar bebendo vodka junto da esposa e do filho. O homem em questão foi levado para a delegacia.

O menino foi socorrido e encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento. Os profissionais de saúde informaram que o garoto iria ficar em observação e depois o Conselho Tutelar seria acionado. O caso foi registrado como vender, fornecer e ministrar bebida alcoólica para criança ou adolescente.