Pai embriagado bate carro com filhos dentro e bebê de 2 anos não sobrevive

O homem, que estava alcoolizado, colocou as crianças na cadeirinha no banco de trás, porém a batida foi tão forte que o menino de 2 anos não sobreviveu. O pai foi preso em flagrante e a filha de 4 anos segue internada no hospital

Resumo da Notícia

  • Um homem de 31 anos foi preso em flagrante depois de dirigir bêbado e bater em um poste de energia elétrica com o carro
  • O filho de 2 anos não sobreviveu à batida, e afilha de 4 anos segue internada
  • O caso aconteceu no último sábado na capital goiana

Um homem de 31 anos foi preso em flagrante depois de dirigir bêbado e bater em um poste de energia elétrica com o carro. O filho de 2 anos não sobreviveu à batida, e a menina de 4 anos segue internada. O caso aconteceu no último sábado na capital goiana.

-Publicidade-

O acidente ocorreu por volta das 15h na Avenida Doutor Francisco Xavier, no Setor Crimeia Oeste, região central de Goiânia. O pai estava com sinais de embriaguez e foi levado pela Guarda Civil Metropolitana (GCM) para a Central de Flagrantes da Polícia Civil de Goiás (PCGO).

O bebê de 2 anos não sobreviveu à batida do carro
O bebê de 2 anos não sobreviveu à batida do carro (Foto: Reprodução/PCGO)

Ele foi encaminhado, em seguida, para o Instituto Médico Legal (IML), onde fez o teste para comprovar o consumo de álcool e o resultado deu positivo. Ele foi preso em flagrante e o caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Investigação de Crimes de Trânsito de Goiânia (Dict).

O filho havia sido colocado pelo pai na cadeirinha, no banco de trás do carro, ao lado da irmã de 4 anos, que também estava numa cadeirinha. O impacto da batida, no entanto, fez com que as crianças se ferissem. Os dois foram levados para o Hospital de Urgências da Região Noroeste de Goiânia (Hugol) em estado grave. No local, foi confirmado o óbito do garoto e a menina segue internada em estado gravíssimo, segundo a polícia.