Pai ganha R$ 1 milhão em sorteio minutos depois do primeiro filho nascer: “Não caiu a ficha”

Giovane Honório de Lima, morador de Lobato, no sul de Minas Gerais, teve a vida completamente transformada em um curto período de tempo

Resumo da Notícia

  • Pai ganha R$ 1 milhão em sorteio minutos depois do primeiro filho nascer
  • Giovane Honório de Lima, morador de Lobato, no sul de Minas Gerais, teve a vida completamente transformada em um curto período de tempo
  • Ele havia acabado de sair da sala do parto quando descobriu a notícia

Isso que é sorte! Em alguns poucos minutos, Giovane Honório de Lima, morador de Lobato, no sul de Minas Gerais, teve a vida completamente transformada! Isso porque no curto período de tempo, ele viu o primeiro filho nascer e ganhou o prêmio de R$ 1 milhão em um sorteio feito pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa).

-Publicidade-

“Na hora eu não acreditei. Não fazia nem cinco minutos que eu tinha saído da sala de parto, aí minha tia ligou doida querendo saber quais que eram os meus números, aí na hora que eu fui falando 19356391, eles começaram a gritar e eu falei: não, não é eu não, não é não, deve ser outro”, contou ele, em entrevista ao G1.

Pai ganha R$ 1 milhão em sorteio minutos depois do primeiro filho nascer: "Não caiu a ficha"
Pai ganha R$ 1 milhão em sorteio minutos depois do primeiro filho nascer: “Não caiu a ficha” (Foto: reprodução G1/ Arquivo pessoal / Sefa)

O auxiliar de produção, que tem 21 anos, disse também que concorreu usando apenas um bilhete. A tentativa custou quase R$ 100 e para tentar a sorte, ele colocou os números do CPF, como pedido da esposa.

E ele já até sabe o que vai fazer com o valor! “Nunca vou esquecer esse dia: 7 de fevereiro de 2022. O dinheiro chegou em uma hora boa, a gente estava precisando bastante. Eu e minha esposa, Aline, moramos de aluguel, e eu comprei um carro esses dias, parcelei de tudo que é jeito. A gente não sabia nem se ia conseguir terminar de pagar. Olha como tudo muda, né?! Agora vai dar tudo certo”, comemorou o pai.

Ele contou que ainda está de licença e focado nos primeiros dias do filho, mas depois pretende investir o dinheiro para usá-lo mais tarde também. “Ainda nem caiu a ficha direito, mas com esse dinheiro, quero investir em alguma coisinha para não ficar parado. O prêmio ainda não caiu na conta. Meu maior presente já está nos braços, o meu nenê, então o resto depois vejo”, finalizou, ainda em entrevista ao G1.