Pai gera polêmica ao revelar tradição de família nas redes: “Nojenta e grosseira”

O homem recorreu ao Reddit para desabafar sobre desentendimento que teve com a esposa ao contar como funciona a tradição familiar que já dura gerações. Contudo, os internautas estranharam o movimento, e não deixaram de comentar

Resumo da Notícia

  • Pai gera polêmica ao revelar tradição de família nas redes: "Nojenta e grosseira"
  • O homem recorreu ao Reddit para desabafar sobre desentendimento que teve com a esposa ao contar como funciona a tradição familiar que já dura gerações
  • Os internautas estranharam o movimento, e não deixaram de comentar

Um homem recorreu ao Reddit para desabafar sobre desavença que viveu com a esposa. Isso porque, segundo ele, a mulher teve uma “péssima” reação ao ouvir qual tradição ele e a família já carregam por gerações – e ainda se recusar a fazê-la com o filho do casal.

-Publicidade-

A tradição que gerou polêmica consiste em dar um bicho de pelúcia personalizado para os futuros filhos do bebê do casal. Isto é: assim que a criança recém-nascida tiver a própria família e o próprio filho, ele ganhará o presente dos avós. Mas essa não é a parte central da discussão.

“A razão pela qual é especial é porque o recheio [do bicho de pelúcia] é feito com o cabelo de seus pais”, explicou o homem, na publicação feita no fórum online. “A maneira como funciona é que, uma vez que uma criança tenha idade suficiente para começar a cortar o cabelo, seus pais economizarão o máximo possível desse cabelo. Quando a criança se torna pai, o novo avô usará o cabelo guardado para fazer um bicho de pelúcia para dar ao bebê. Isso representa uma conexão do novo pai com a criança, e é uma maneira de conectar a nova vida à nova família”.

A tradição com o bicho de pelúcia envolveu polêmica
A tradição com o bicho de pelúcia envolveu polêmica (Foto: Getty Images)

Contudo, o homem conta que a esposa achou o processo “nojento”, e esclareceu que jogará o presente no lixo caso a filha deles o receba dos avós. O homem ainda argumentou que sua mãe passou décadas juntando seu cabelo, e ainda tentou explicar que os fios estavam higienizados. Mas a negação da mulher o deixou revoltado.

“Fiquei chocado. Isso é algo que representa décadas de trabalho e planejamento da minha mãe e gerações da história da minha família. Eu disse à minha esposa que se ela é tão cruel e insensível sobre algo que significa tanto para mim e minha família, então ela não é a pessoa que eu pensei que fosse”, lamentou o autor do post.

Nos comentários, muitos internautas deram apoio à mulher, argumentando que ela não é obrigada a seguir tradições da família do rapaz. “Eu definitivamente posso entender sua esposa ficando enojada com sua estranha boneca”, escreveu uma pessoa. Outra ainda argumentou, “Isso não está certo. Eu gostaria que as pessoas aprendessem isso só porque algo é uma tradição familiar que não significa que os outros tenham que participar”, seguido de, “É assustador. Quero dizer, se a família gosta, tudo bem, mas você não deve esperar que sua esposa esteja a bordo disso”.

Contudo, outras pessoas até demonstraram apoio ao pai, dizendo que esta é uma prática que pode ter durado muitos anos em diversos lugares do mundo. “Pelos humanos e de animais são usados ​​há muito tempo para encher móveis e brinquedos, e cabelos humanos também são usados ​​há muito tempo em lembranças pessoais, como fichas de amor e joias de luto”, comentou um usuário, seguido de, “Só porque é estranho não significa que ela tem o direito de ser cruel, e a esposa está sendo cruel”.