Pai paga cerca de R$ 20 mil após filho ser acusado de quebrar Teletubby em loja de brinquedos

Loja acusa criança de ter quebrado boneca Teletubby dourada. O pai da criança teve que arcar com todos os custos em relação ao brinquedo gigante

Resumo da Notícia

  • Criança é acusada de quebrar brinquedo gigante em uma loja localizada em Mong Kok, Hong Kong
  • O pai do garoto teve que arcar com todos os custos em relação ao Teletubby dourado
  • Segundo o advogado Albert Luk a empresa não deveria ter pedido indenização e aconselhou a família solicitarem um reembolso parcial

Um pai teve que desembolsar cerca de HK$ 33.600 (equivalente a cerca de R$ 20 mil) em uma loja de brinquedos de grife em Mong Kok, localizado em Hong Kong, após o filho ser acusado de chutar uma boneca Teletubbies dourada de 1,8 metros de altura. Segundo informações do portal jornalístico Hong Kong Free Press, após chute do menino, a estátua imediatamente quebrou-se aos pedaços. O caso aconteceu no último domingo, 22 de maio.

-Publicidade-

Após o vídeo da loja mostrando o momento exato do incidente, o pai suspeitou que o filho havia sido culpado incorretamente pelos funcionários da loja KKPlus, situada no shopping Langham Place. O pai, que estava no estabelecimento com a esposa e mais dois filhos, no último domingo  – relatou o caso na Rádio Comercial na manhã desta terça-feira, 24 de maio.

O homem contou que saiu por um momento para atender uma ligação de celular e ouviu um forte barulho atrás dele. Quando ele se virou, o filho estava olhando para um brinquedo Teletubbies de ouro de 1,8 metro que havia caído, com a cabeça cortada e um braço estilhaçado.

Teletubby dourado (Foto: Reprodução / Facebook)

“Meu filho estava imóvel. Ele estava olhando para baixo, olhando para o brinquedo”, disse Cheng, pai da criança. Em complemento, o homem disse que a equipe disse para ele e à esposa que seu filho mais velho tinha sido visto chutando a boneca gigante – e pediu que cobrissem o custo do brinquedo danificado.

Ao pensar que o filho realmente era culpado, Cheng concordou em pagar pela boneca, que custava HK$ 52.800. O comerciante falou a ele que a loja cobraria apenas o custo de HK$ 33.600. Mas, ao ver o vídeo, ele notou que o filho pode ter sido acusado injustamente. Na sequência, a esposa ligou para a KKPlus.

Declaração KKPlus

Após o incidente, um vídeo do momento exato foi publicado nas redes sociais. Mas, os internautas provocaram um amplo debate ao dizer que a loja estava tentando enganar o pai. Além disso, os usuários das plataformas digitais questionaram o motivo pelo qual a loja não havia isolado a boneca, para impedir que as pessoas se aproximassem dela – visto que, a mesma é tão cara. Já outras pessoas disseram que os pais deveriam ter vigiado mais de perto o filho.

Em comunicado publicado no Facebook, a KKPlus disse que o preço de varejo da boneca Teletubbies era de HK$ 52.800, sendo um valor que inclui custos relacionados a design, direitos autorais, transporte e outras taxas. ” empresa não cobrou mais do que o preço de venda do item”, afirmou.

Nota do Teletubby dourado
Nota do Teletubby dourado (Foto: Reprodução / Facebook)

O estabelecimento também disse que a boneca estava no mesmo lugar desde o novembro passado e “não trouxe nenhum inconveniente aos clientes”. No mais, acrescentaram que a loja “aprenderia com essa experiência para evitar que incidentes semelhantes aconteçam novamente”.

Ação judicial 

O advogado Albert Luk, contou ao Headline Daily, que a idade de responsabilidade criminal de  Hong Kong é de 10 anos. Sendo assim, a empresa não deveria ter pedido indenização e aconselhou a família solicitarem um reembolso parcial.

Por fim, em entrevista concedida ao HK01 desta terça-feira, 24 de maio, o gerente da KKPlus admitiu que a loja não tomou as precauções devidas. E que a loja removeu todos os brinquedos com mais de um metro de altura e fará uma revisão.