Pai solo: “A mãe do meu filho não gosta que meus amigos estejam por perto”

Um homem conseguiu que seus amigos lhe ajudassem quando ele foi deixado para criar seu filho sozinho, mas agora sua ex está de volta e acha que os amigos do homem são uma ‘má influência’ para a criança de 5 anos

Resumo da Notícia

  • Pai pediu a opinião de usuários em um fórum online para saber se os amigos seriam uma má influência para o filho;
  • Ele explicou que a mãe abandonou a criança, e cinco anos depois, deseja fazer parte da vida do menino;
  • O pai disse o que pensa sobre.

Um homem desabafou  no Reddit pedindo conselho dos usuários se ele foi um ‘idiota’ por deixar seus amigos lhe ajudarem a criar o filho, que foi deixado para ser criado pelo pai. Depois de abandonar a família por anos, a mãe da criança está de volta e não quer que os amigos do pai tenham relações com o filho.

-Publicidade-

O pai começa: “Meu filho tem 5 anos, e eu tenho 23. A mãe dele e eu saímos uma vez e o encontro resultou na gravidez. Logo que descobriu a notícia, a mulher parou de enviar notícias, e no fim, acabou deixando o bebê comigo para criá-lo sozinho.”

“No momento mais desesperador da minha vida, perguntei aos meus amigos se poderiam me ajudar a lidar com a situação. Todos tomaram a frente e eu sou muito grato e abençoado por isso”, agradece o pai. Ele explica que os amigos pegam o filho na escola se está ocupado, cuidam da criança se não está em casa, ou simplesmente passam o tempo brincando, sem que o pai peça.

Nem sempre os amigos são a melhor influência para a criança de 5 anos
Nem sempre os amigos são a melhor influência para a criança de 5 anos (Foto: Getty Images)

Como nem tudo é perfeito, o pai também deixa claro que nem sempre os amigos são a melhor influência para a criança de 5 anos. “Por exemplo, alguns fins de semana atrás, reuni uns amigos em casa e um deles convenceu meu filho de falar para uma mulher, que conheço a minha vida toda, que ele ‘a levaria para o céu’”.

Recentemente, a mãe do menino apareceu e, depois de se apresentar à criança, deseja fazer parte da vida do menino. No entanto, ela não quer os amigos do homem por perto por serem “influências horríveis”. O homem finaliza dizendo que ela não está realmente interessada em criar o filho, que apenas não tem como se sustentar no momento.

Os usuários ficaram divididos, pois enquanto a maioria concordava que a mãe não tinha voz depois de abandonar o filho, outros concordavam que os amigos seriam influências ruins para a criança.

“Cinco anos sem dar notícias e agora ela quer voltar e estabelecer outros limites na criação?”, exclamou um. “Você não está errado em ter ajuda, você está errado em pensar que o exemplo que deu é uma coisa certa para uma criança fazer ou dizer”, enfatizou outro.