Pai vence coronavírus e recebe alta na véspera do aniversário do filho: “Nos disseram que ele iria morrer”

O britânico Omar Taylor precisará passar por um tratamento de reabilitação em sua casa que durará 12 semanas, mas os médicos estão confiantes que ele irá se recuperar 90% até o final do ano

Resumo da Notícia

  • Omar Taylor, teve pneumonia, infeccção generalizada, falência do coração e dois derrames em em decorrência do novo coronavírus
  • O pai sobreviveu após ter passado 30 dias ao respirador
  • Um belo presente! Ele recebeu alta na véspera do aniversário de dois anos de seu filho
Família reunida (Foto: Reprodução/ Vídeo)

Em Essex, na Inglaterra, um pai sobreviveu ao coronavírus após ter passado 30 dias no respirador. Ele teve pneumonia, infecção generalizada, falência do coração e dois derrames em decorrência do novo coronavírus. Omar Taylor, 31 anos, conseguiu sobreviver a tudo isso e recebeu alta na véspera do aniversário de 2 anos de seu filho, Harrison. Um belo presente!

-Publicidade-

Omar estava internado no Hospital Colchester. A esposa dele, Kaitlyn Taylor, afirmou que considera a recuperação de seu marido um verdadeiro milagre. “Primeiro nos disseram que ele iria morrer, depois nos disseram que ele nunca mais conseguiria falar. A recuperação dele é um milagre absoluto. Foi muito difícil. Ele estava determinado a sair do hospital a tempo do aniversário de dois anos do nosso filho e ele conseguiu! Nós vamos fazer uma grande festa, será só eu, ele e nossos dois filhos, mas para nós será grandiosa e maravilhosa!”, contou Kaitlyn, ao o DailyMail.

O pai recebeu alta (Foto: Reprodução/ Vídeo)

Quando Omar voltou para casa todos os vizinhos saíram na frente de suas residências para aplaudir o retorno.“Foi maravilhoso ver todos celebrando a volta do meu marido”, disse Kaitlyn. Agora, o pai precisará passar por um tratamento de reabilitação em casa que durará 12 semanas. Ele ainda está no processo de recuperação da fala e o braço direito continua paralisado. Mas os médicos estão confiantes que ele irá se recuperar em 90% até o final do ano.

-Publicidade-

Harrison e a irma Vivianne, de quatro anos, ficaram muito felizes com a volta do pai para casa. Ele passou, no total, oito semanas no hospital. “Para adultos isso pode não parecer tanto tempo, mas para nossos filhos pareceu uma eternidade. Meus filhos achavam que o pai não iria voltar mais! Quando o Omar chegou em casa, o nosso filho mais novo ficou com um pouco de medo no início, ele não entendeu bem. Mas a Vivienne, quatro anos, ela é a garotinha do papai e não deixou o lado dele desde quando ele chegou em casa. Ela ajuda a levá-lo até o banheiro, ela está tão feliz por tê-lo em casa!”, comemorou a esposa.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!

-Publicidade-