Pais de três crianças, casal recebe diagnóstico de câncer com meses de diferença

Kirsten e Pete moram na Austrália. A história da família mobilizou a comunidade onde eles moram, e agora a família acumula uma vaquinha online de mais de AU$ 90 mil!

Resumo da Notícia

  • Kirsten e Pete moram na Austrália e estão vivendo uma situação bastante incomum e indelicada
  • Isso porque o casal que possui 3 filhos foi diagnosticado com câncer - ao mesmo tempo
  • Kirsten foi diagnosticada com câncer de mama, e Pete com câncer no cérebro
  • Moradores da comunidade da família se mobilizaram - e juntaram uma vaquinha que já acumula mais de AU$ 90 mil!

Kirsten e Pete vivem uma história delicada e incomum ao lado dos três filhos na Austrália. Isso porque, em meio ao cuidado das crianças, o casal descobriu que está com câncer ao mesmo tempo. Kirsten tinha acabado de dar à luz a uma filha quando, no hospital, foi alertada que tinha uma espécie de “caroço” no peito – que daria início ao tratamento de um câncer de mama em estágio 2.

-Publicidade-

A família ficou devastada com a notícia. Até que, duas semanas após o diagnóstico de Kirsten, Pete foi para o pronto-socorro por causa de dores de cabeça insistentes – e também descobriu um câncer: dessa vez no cérebro, também em estágio 2. Contudo, o caso era ainda mais grave: porque, conforme indicado pelos médicos, ele teria apenas um período de 7 ou 10 anos de vida a partir daquele momento.

Kirsten e Pete são pais de Will, Tommy e Estelle (Foto: Reprodução/ Hobart Mercury)

“Quando eu estava no hospital, me deparei com uma quantidade bem grande de médicos e enfermeiros me perguntando o tempo todo se eu estava bem, se conseguia enxergar e se estava sentindo dores”, contou, em entrevista ao portal Hobart Mercury. “O tumor que foi descoberto estava em uma posição em que era inoperável. Uma cirurgia naquele local poderia me deixar surdo, mudo ou até em estado vegetativo”, desabafou.

O casal era professor de educação infantil – e, por causa dos diagnósticos, ficou impossibilitado de continuar trabalhando. Por causa disso, amigos e parentes decidiram ajudar a família com uma vaquinha. O gesto deixou Pete emocionado.

“Existem tantos nome na lista que eu nem reconheço, que fiquei impressionado”, declarou. “Kirsten já está enfrentando as próprias batalhas no tratamento do câncer dela – e saber que ela terá esse conforto quando eu não estiver mais aqui é reconfortante”, desabafou. A família já acumula mais de AU$ 90 mil em doações. Incrível!