Pais são presos por agredirem a filha de 1 ano até a morte

A criança foi encaminhada ao hospital em Penápolis, interior de São Paulo, mas não resistiu. Ela apresentava braços roxos e sinais de agressão sexual

Resumo da Notícia

  • Bebê foi agredida até a morte em Penápolis, SP
  • Ela apresentava sinais de violência sexual
  • Os pais foram acusados e presos

Neste último sábado, 19 de fevereiro, uma mãe e um padrasto receberam o mandado de prisão temporária por 30 dias, após agredirem uma bebê de apenas 1 ano de idade. O caso aconteceu em Penápolis, interior de São Paulo. A criança foi encaminhada ao hospital, mas não resistiu.

-Publicidade-

A determinação foi expedida pela Justiça nesta última sexta-feira, 18 de fevereiro, pela delegacia de Araçatuba, SP. A bebê deu entrada no hospital na última segunda-feira, 14. No entanto, já não apresentava mais sinais de vida. Ela estava com marcas roxas no braço e dilaceração do ânus, tornando possível uma suposta violência sexual.

Pais são presos após agredirem a filha de 1 ano
Pais são presos após agredirem a filha de 1 ano (Foto: Reprodução / g1)

Após tomarem conhecimento do caso, a população da cidade realizou um protesto, como pedido de justiça, pelas ruas próximas onde a criança morava com a família.

De acordo com os pais, eles colocaram Mirella para dormir na noite de domingo e viram que estava morta no outro dia, pela manhã. A Justiça está investigando o caso com mais profundidade e, até o momento, os dados ficarão em sigilo.