Participante do ‘MasterChef Brasil’ conta que sofreu 18 abortos por ter síndrome rara

Em entrevista à Band, a grega, Paraskevi Kotta, 51, disse que não conseguiu realizar o sonho de ser mãe por ter uma doença rara

Resumo da Notícia

  • Paraskevi Kotta, 51, uma participante grega, do reality “Master Chef Brasil” conta que sofreu mais de 18 abortos e não conseguiu ser mãe
  • Ela diz que é casada há 33 anos mas uma síndrome rara a impossibilitou de gestar
  • Sem citar o nome da doença, ela explicou que o problema estava na taxa muito elevada de anticorpos, o que alterava o sistema imunológico e a impossibilitava a evolução da gestação

Paraskevi Kotta, 51, uma participante grega, do reality “Master Chef Brasil” da TV Bandeirantes, conta que sofreu mais de 18 abortos e não conseguiu realizar o sonho de ser mãe. Em entrevista à emissora, ela diz que é casa há 33 anos, mas descobriu uma síndrome rara que impossibilita que ela consiga ter uma gestação saudável.

-Publicidade-
Paraskevi está participando da nona edição do reality Master Chef Brasil (Foto: Reprodução/Instagram)

“Sempre quisemos ter muitos filhos, porque amamos o valor da família. Falávamos desde o começo em quatro filhos, mas, infelizmente, tive muitos abortos. Muitos. Foram mais de 18 abortos. Depois pensei, a vida não é só estar casada ou ter filhos. Para a gente não era para ter filhos, mas tenho mais de 18 filhos de coração e isso acho muito bonito”, conta emocionada.

Pareskevi não revelou o nome da doença rara,  mas explicou que o problema estava na taxa muito elevada de anticorpos, o que alterava o sistema imunológico e a impossibilitava a evolução da gestação. “É por isso que quase não fico doente, por exemplo. Fiz tudo o que precisava para ter um filho e tratamentos com os melhores médicos da Grécia. Eu gerava o bebê e depois sofria o aborto. Era um aborto muito rápido, às vezes de gêmeos. Quando eu ficava grávida, o meu corpo achava que não era algo bom”, completou.

Não perca nosso próximo episódio: