Patricia Abravanel conta que chorou quando precisou substituir o pai em gravação de programa

Mãe de Pedro, Jane e Senor, Patricia Abravanel vem substituindo Silvio Santos no programa de domingo desde que ele se contaminou com a covid-19

Resumo da Notícia

  • Patricia Abravanel contou que chorou quando precisou substituir Silvio Santos em programa
  • Ele está afastado da emissora desde que se contaminou com a covid-19
  • "Eu quero meu pai aqui, não fazer o programa dele", desabafou durante 'A praça é nossa'

Na última quinta-feira, 30 de dezembro, durante a transmissão do programa “A Praça é Nossa”, a apresentadora Patricia Abravanel contou que o período de afastamento de Silvio Santos foi muito difícil. O proprietário do SBT esteve distante das telinhas após ter sido contaminado com a covid-19 em agosto.

-Publicidade-

Quando Patricia foi apresentar o “Programa Silvio Santos” pela primeira vez, ela teve uma crise de choro. “Sofri, eu quero meu pai aqui, não fazer o programa dele, eu quero ele”, revelou durante a transmissão do programa de humor na noite de ontem.

Patricia Abravanel conta que chorou na primeira gravação de programa sem Silvio Santos
Patricia Abravanel conta que chorou na primeira gravação de programa sem Silvio Santos (Foto: Reprodução/ Instagram)

Mãe de Pedro, Jane e Senor, Patricia vem substituindo Silvio Santos no programa de domingo. Durante a apresentação de “A Praça é Nossa”, ela e Carlos Alberto de Nóbrega conversaram e ela confessou que chorou antes de entrar começar a primeira gravação.

“Vou te falar que no começo… No primeiro dia, eu chorava de soluçar porque eu não queria, eu queria ver o Silvio Santos no domingo. Não quero ver a Patrícia, eu quero ver o Silvio Santos. Então eu sofri, eu quero meu pai aqui, não fazer o programa dele, eu quero ele. E o público inteiro estava com isso: ‘não quero ver a Patricia, eu quero ver o Silvio'”, ela desabafou.