Policiais Civis pulam muro para pegar cachorro que estava abandonado

Segundo moradores, o Pit Bull estava abandonado no local há mais de um mês

Resumo da Notícia

  • Cachorro abandonado foi resgatado por Policiais Civis em Formosa, Goiás
  • Eles tiveram de pular o muro do local em que ele estava e tiveram de usar escada e corda pegá-lo
  • Não há informações pelos responsáveis do abandono

Nesta última segunda-feira, 22 de novembro, policiais civis da cidade de Formosa, interior de Goiás, precisaram pular o muro de uma casa para pegar um cachorro que estava abandonado há um mês. Eles tiveram de utilizar uma corda para realizar o resgate utilizando uma escada e uma corda.

-Publicidade-

De acordo com os moradores, o Pit Bull conseguiu sobreviver por conta dos cuidados que eles davam, de acordo com o alcance que eles tinham. Eles davam comida e água pelo muro com o auxílio de uma corda.

Cachorro é resgatado pela Policia Civil em Formosa
Cachorro é resgatado pela Policia Civil em Formosa (Foto: Reprodução / G1)

Após o resgate, o cão foi encaminhado a um abrigo local para adoção. Não há informações pelos responsáveis pelo crime de maus-tratos ou pelos donos da residência, pois ainda não foram identificados.

No entanto, essa não é a primeira vez que pessoas se movem para resgatar um cachorro abandonado. Recentemente, um vídeo repercutiu na web por um casal que decidiu viajar durante 3 horas para salvar o cachorro do avô que faleceu de Covid-19 este ano. O acontecimento foi gravado e já possui cerca de 17 milhões de visualizações na plataforma e 3.4 milhões de curtidas.

Oatmilk Latte atualmente, após ser resgatado por Ashton e pelo marido (Foto: Reprodução Ashton Hart)

Ashton Hart perdeu o contato com o familiar há cerca de seis anos, segundo ele próprio relatou tanto em seu perfil na rede social quanto para o site The Dodo, uma empresa norte-americana focada em contar histórias sobre os direitos dos animais. Por conta disso, após o avô ter partido, um dos primeiros pensamentos de Hart foi averiguar se ele tinha algum animal de estimação que pudesse precisar de sua ajuda.

Foi assim que Ashton descobriu a existência de Oatmilk Latte, que estava sendo ameaçado de sacrifício, depois da morte do dono. Apavorados com a ideia, Hart, que e o marido, que já tinham o sonho de adotar um animal, viajaram durante 3 horas para salvar o cachorro. “Eu trabalhei principalmente com ativismo animal para minha carreira adulta antes de comprar meu negócio, então não havia nenhuma maneira de deixá-lo ser posto para baixo”, para ler a matéria completa clique AQUI.