Policial de férias escuta gritos na rua e salva bebê de 7 meses: “Só tenho a agradecer”

A Sargento estava em casa quando escutou os gritos da mãe pedindo ajuda pois a filha de 7 meses se afogou

Resumo da Notícia

  • Criança de 7 meses se afoga na piscina
  • Mãe pede ajuda aos vizinhos
  • PM que está de férias escutou e foi rapidamente socorrer o bebê
  • A menina foi salva

A sargento da Polícia Militar do Paraná, Carolina Pompeu, estava em casa de férias quando escutou os pedidos de socorro da vizinha. Um bebê estava se afogando na piscina, e a PM foi salvar ele.

-Publicidade-

O acidente aconteceu em São José dos Pinhais na Região Metropolitana de Curitiba. A mãe da bebê de 7 meses começou a pedir socorro pela vizinhança quando a sargento foi ajudar. Após, foram vistas as imagens das câmeras de segurança que mostram a mulher pegando o bebê e fazendo a “manobra de Heimlich”, um técnica para primeiros socorros quando acontece a obstrução das vias respiratórias.

A PM teve uma ação rápida que salvou a vida da bebê
A PM teve uma ação rápida que salvou a vida da bebê (Foto: Reprodução/ Instagram São José Alerta)

Carol disse a afiliada da TV Globo no Paraná qual foi sua primeira atitude perante a situação. “Eu sou policial militar e estou de férias no momento, até semana que vem. Eu estava dentro de casa no período da manhã e escutei gritos de socorro vindos da rua. Na hora que eu olhei, eu vi a vizinha que mora ao lado da minha casa com um bebezinho no colo, desfalecido. Aí nesse momento eu peguei a criança no colo e consegui reanimá-la”.

Outra vizinha que acompanhou a angústia, relatou a rapidez da PM nos primeiros socorros. “Não levou nem um minuto, foram segundos e a nenêzinha já chorou. Todo mundo ficou muito feliz, a mãe já estava desmaiando. Segurei a mãe, fomos acalmando, falando: ‘ó, a tua nenêzinha já tá boa, vai se acalmando, vai levantando com calma'”.

“Eu só tenho que agradecer, sabe? Primeiramente a Deus e depois a Carol que nos socorreu” disse a avó da bebê de 7 meses.

Por fim, Carol disse que na hora que ouviu o choro da bebê, foi uma vitória para ela, pois escutou o som como “o choro mais gostoso que ouviu” até hoje.