Professor abre biblioteca pública para crianças: “Com a ajuda do povo”

Os livros não fizeram parte da infância dele, então ele queria dar a oportunidade para as crianças do interior do Ceará

Resumo da Notícia

  • Um professor abriu uma biblioteca pública no interior do Ceará
  • Ele queria dar a oportunidade de leitura para as crianças
  • O sonho dele era atender os moradores da cidade com os livros
 

Um professor abriu uma biblioteca pública no interior do Ceará para dar a oportunidade de leitura para as crianças. O sonho dele era permitir que as crianças tivessem acesso aos livros, algo que ele não teve na infância.

-Publicidade-

Francisco lvonildo Dias da Silva abriu a primeira biblioteca pública da cidade Mangabeira, no interior do Ceará, em 1995. O sonho dele era atender os moradores da cidade com os livros, que é o que ele vem fazendo há mais de 30 anos. Até agora ele conta com 15 mil obras no acervo, que foi completamente montado sem ajuda pública. “Papai cedeu um terreno encostado na casa dele. Ficou alegre com a ideia. E com a ajuda do povo, um dava telha, um tijolo, construímos o prédio para abrigar estes livros”, lembra o professor.

A biblioteca levou o nome de Sala de leitura José Cândido Dias, e vem ajudando não só os moradores de Mangabeira, mas também os das cidades vizinhas. De acordo com Francisco, o local permitiu mudanças na região por tornar a leitura acessível. “Você nota, pelo entusiasmo, sobretudo de pais de família, com filho na escola. Notamos o valor que eles dão naturalmente ao livro e a Sala, pois, realmente, eles sentem o filho pesquisar na biblioteca”, disse ela ao Só Notícia Boa.

Francisco lvonildo Dias da Silva abriu a primeira biblioteca pública da cidade Mangabeira, no interior do Ceará. (Foto: Reprodução / Só Notícia Boa)

O professor percebeu a urgência de fornecer livros ao refletir sobre sua infância, época em que não tinha acesso a leitura. “Àquela altura, a localidade contava com duas escolas públicas. Alunos e professores não tinham onde pesquisar para fazer um texto, um estudo qualquer, não tinham fontes”, conta ele. Francisco recebeu muita ajuda desde o início do projeto, mas ele arca sozinho com os custos do funcionamento e manutenção do local. “Vamos ter que expandir, pois não comporta os livros que recebemos de doações, é uma biblioteca para o povo”, afirmou ele.

Nos dias 15 e 16 de julho, ele realizou a primeira feira literária de Mangabeira, que contou com artistas locais e convidados, além de promover atividades, apresentações literárias, lançamentos de livros e palestras. O evento foi gratuito e reforçou a intenção do professor, que é totalmente educativa e não financeira.

O professor percebeu a urgência de fornecer livros ao refletir sobre sua infância, época em que não tinha acesso a leitura. (Foto: Reprodução / Só Notícia Boa)

Vote na Pais&Filhos para o Troféu Mulher Imprensa!

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos, está concorrendo ao prêmio da categoria Pertencimento e Inovação da 16ª edição do Troféu Mulher Imprensa! Para votar, é muito simples: CLIQUE AQUI e aperte o botão ao lado da foto da Andressa para que ele fique azul. Em seguida, preencha o campo com seus dados e vá até seu email: será preciso confirmar o seu voto clicando em um link. Depois disso, sucesso! Seu voto já foi contabilizado. Obrigada!

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa
Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa (Foto: Divulgação/Pais&Filhos)

Assista agora o POD&tudo com Marcos Piangers e Ana Cardoso! Em um bate papo muito divertido, eles falam da estreia do filme “O Papai é Pop”, inspirado no best-seller de Piangers, interpretado por Lázaro Ramos e Paolla Oliveira, que estreia no próximo dia 11 de agosto.