Professora é presa após aplicar vacina contra a covid-19 em adolescente em casa

Laura Russo possui 54 anos de idade e filmou o momento em que aplicou o imunizante em um aluno em Nova Iorque, nos EUA. A acusada é professora de biologia

Resumo da Notícia

  • Um professora de biologia foi presa por aplicar a vacina contra a covid-19 em um estudante de 17 anos em casa
  • Laura Russo possui 54 anos de idade e foi presa em Nova Iorque, nos EUA
  • A polícia ainda apurou que a vacinação foi feita sem o consentimento dos pais do adolescente
  • O momento foi filmado por Laura e publicado nas redes sociais

Uma professora foi presa após aplicar uma vacina contra a covid-19 em um estudante de 17 anos. Além disso, ela ainda teria filmado o momento – gravado na casa dela – e publicado nas redes sociais. Laura Russo possui 54 anos de idade e foi presa em Nova Iorque, nos EUA, pelo ocorrido.

-Publicidade-

Laura não possui nenhuma qualificação médica e não teve o consentimento dos pais para imunizar o aluno. Ainda não se sabe como e qual imunizante foi aplicado no adolescente. Nos EUA, a vacinação desta faixa etária só é autorizada com o fabricante da Pfizer.

Laura possui 54 anos e é professora de biologia em Nova Iorque, nos EUA
Laura possui 54 anos e é professora de biologia em Nova Iorque, nos EUA (Foto: Reprodução/ CBS News)

No vídeo gravado no momento da aplicação, é possível ouvir a professora falando “Você vai ficar bem, espero”. Ao final, ela ainda declara: “Aqui está. Vacina em casa”. Os pais do adolescente denunciaram Laura para a polícia depois que o menino chegou em casa e contou o ocorrido aos pais.

O superintendente da Herricks High School – onde trabalha Laura – já confirmou que a profissional foi afastada do cargo e desempenhará suas funções escolares em outro distrito, de acordo com entrevista dada à CBS News. Laura aguarda o julgamento do caso, e deve ser ouvida no próximo dia 24 de janeiro.