Professora faz homenagem para aluna que não desistiu de gravidez precoce: “Estou orgulhosa de você”

Professora fez homenagem nas redes sociais para aluna que não desistiu dos estudos e nem da gravidez precoce, uma das principais causas de evasão escolar

Resumo da Notícia

  • Professora fala de gravidez precoce de alunos
  • Na publicação nas redes sociais, a mulher está com um bebê de aluna no colo
  • Ela escreveu na legenda sobre admiração pela aluna não ter desistido da maternidade
  • Muitas pessoas se identificaram com a história e comentaram sobre a decisão da garota

Bruna Porto, professora de filosofia no Mato Grosso fez uma publicação que comoveu internautas neste último domingo, 3 abril.

-Publicidade-

A professora está em uma foto com o bebê de Larissa, aluna do 2° ano do ensino médio. “Esta no meu colo é Maria Alice, filha de Larissa. Larissa que não aparece na foto, está no 2º ano do ensino médio. Se tornou mãe ainda estudando, e tomou uma decisão muito difícil: ou deixava os estudos para cuidar da filha, ou a levava para a escola para poder melhorar seu futuro”, iniciou a professora.

Bruna continuou o discurso falando sobre a atitude da aluna. “A decisão de Larissa é nobre, é forte, é exemplar. Encheu meu coração de amor, que ao entrar na sala, a primeira coisa que eu quis fazer foi segurá-la para a mãe realizar suas atividades”.

A professora Bruna Porto com Maria Alice, filha de aluna, no colo
A professora Bruna Porto com Maria Alice, filha de aluna, no colo (Foto: Reprodução/ Instagram @brunaportoc)

A professora também disse em seu post sobre a gravidez precoce. “A gravidez precoce segue sendo uma das principais causas de evasão escolar entre as jovens brasileiras. A falta de flexibilidade por parte das instituições, o preconceito e a ausência de uma rede de apoio são um dos fatores que envolvem essa saída”.

Por fim, a mulher falou sobre a admiração que tem pela aluna. “Larissa, à você e à todas as mães que não desistiram, fica aqui minha homenagem, admiração e respeito. E para as mamães que tiveram que parar o estudo, espero do fundo do meu coração, que consigam retornar para que possam de forma autônoma e segura, cuidar de vocês mesmas e de vossos filhos”.

Os internautas logo comentaram, dando força para Larissa continuar com a maternidade. “Não desista, estamos orgulhosos de você!” disse um seguidor. Outra pessoa falou, “Parabéns duplo! Para Bruna e para Larissa”. Muitas mães também se identificaram com a história contada pela professora de filosofia.