Família

Quase a metade do mundo prefere a cor azul? Vem saber o porquê

Quase metade da população mundial tem a mesma preferência

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

Sabia que existem 111 tons diferentes de azul? Pensa, conseguimos ver vários tons só admirando o céu, não é à toa que 45% da população mundial ama tanto estar cor. Ela está associada com calma, simpatia, harmonia e fidelidade. E quem não gosta de sentir essas coisas?

A pergunta “qual é a sua cor favorita?” era estudada por pesquisadores e quase foi abandonada por ter respostas muito particulares para serem analisadas. Mas, o tempo foi passando e as ferramentas estatísticas e a padronização das cores também. Então voltaram a analisar.

E o resultado? Todo mundo gosta de azul! Ok, não todo mundo, mas uma bela parcela da humanidade. Tanto é que a cor é considerada a mais popular em todas as civilizações. Ou seja, o motivo não é onde a pessoa nasceu, o gênero dela ou nada disso.

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

Explica logo! 

As pesquisas realizadas pelos psicólogos Stephen E. Palmer e Karen Schloss  mostram que a preferência de uma pessoa por uma determinada cor pode ser definida pela média do quanto ela gosta das coisas e dos objetos que se associam a essa cor.

Então sua preferência por verde vem dos seus sentimentos sobre grama, árvore, dinheiro, brócolis e Karen explica que, quando você olha as coisas associadas ao azul, elas são positivas. “É muito difícil pensar em coisas azuis negativas. Muitas coisas que relacionamos ‘azuis’ e ruins não são realmente tão azuis, são muitas vezes mais roxas ou mais amarelas do que azul.”

Duas das coisas mais comuns as quais associamos com a cor é o céu e a água, o que aumenta a preferência por azul mais do que pelas demais cores do arco-íris. Também não são limitadas a uma região do planeta só.

“Céu claro e água limpa, são especialmente coisas que todos experimentamos universalmente. Não importa onde você esteja no mundo, se o dia está claro e ensolarado, é bom estar lá fora, o céu é azul. E a água que fica clara vai ser azulada. Isso não quer dizer que não há diferenças culturais, mas essa prevalência de coisas azuis positivas parece ser um pouco consistente.”

Por isso, o amarelo-escuro e as derivações desta cor acabam sempre no final. “Essas cores tipo mostarda, oliva, marrom, têm coisas positivamente associadas a elas, mas também têm em sua maioria, associações negativas – sempre ligadas à resíduos biológicos e coisas grosseiras”.