Rainha Elizabeth dá ordem real para evitar constrangimento de Harry no funeral de Príncipe Philip

A Família Real tinha planos de fazer uma cerimônia com honras militares, mas mudou de ideia ao pensar no filho caçula do Príncipe Charles

Resumo da Notícia

  • A Rainha Elizabeth II deu ordem para evitar o constrangimento do Harry no funeral do avô, Príncipe Phillip
  • O pedido da monarca era de que todos comparecessem ao enterro com roupas civis
  • O título de capitão-geral dos Royal Marines, cujo uniforme Harry queria usar na cerimônia havia pertencido ao Philip

A Rainha Elizabeth II deu ordem para evitar o constrangimento do Harry no funeral do avô, Príncipe Phillip. Segundo o MetroUK, o pedido da monarca era de que todos comparecessem ao enterro com roupas civis. O motivo por trás disso era porque havia a expectativa de um funeral com honras militares, mas a família ficou receosa de Harry ser o único com roupas civis, sendo assim foi requisitado outro tipo de cerimônia.

-Publicidade-

“Havia o risco de constrangimento”, explicaram. “A Rainha não quer nenhuma distração daquilo que é realmente importante, celebrar a vida notável do Duque de Edimburgo”. Apesar do filho mais novo do Príncipe Charles ter servido no exército britânico por 10 anos, tendo ocupado o cargo de capitão-geral dos Royal Marines, a infantaria da marinha britânica, Harry renunciou às funções reais ao anunciar a saída da realeza em janeiro de 2020.

Harry queria usar no funeral de Philip o mesmo uniforme que usou no casamento com Meghan Markle (Foto: Reprodução/ Instagram @kensigntonroyal)

O título de capitão-geral dos Royal Marines inclusive pertenceu a Philip antes de ser passado para o Harry. Nos últimos meses foi especulado que a honraria seria passada à Princesa Anne, tia do marido de Meghan Markle e irmã do Príncipe Charles.

Ainda de acordo a imprensa britânica, Harry teria expressado à família a vontade de usar no funeral do avô o próprio uniforme militar, o mesmo que usou no casamento com Meghan Markle em maio de 2019, mas o pedido foi negado por causa dos protocolos reais.

Não só pelo constrangimento de Harry que teria que ver os familiares usando os trajes do exercito enquanto ele estaria vestido com vestes civis, a Rainha também pensou em evitar constragimentos com o exército, após o Príncipe Andrew também requerir o uso do uniforme no funeral. Sendo que ele foi afastado das atividades militares depois de ser acusado por envolvimento na rede de abusos do empresário norte-americano Jeffrey Epstein.