Rainha Elizabeth enfurece Príncipe Charles após se recusar a dar benção no casamento com Camilla

A rainha não aprovou o relacionamento de Charles com Camilla e a acusou de não lhe dar tempo suficiente para se recuperar após o divórcio da Princesa Diana em 1996

Resumo da Notícia

  • Príncipe Charles está casado com Camilla desde 2005
  • A rainha não deu a benção aos dois alegando não terem dado tempo para Charles superar o divórcio com a princesa Diana
  • O príncipe Charles se separou da Princesa Diana em 1996

O príncipe Charles começou a chorar quando a rainha se recusou a lhe dar a bênção para ficar com Camilla, afirmou um especialista da família real. O príncipe de Gales e a esposa Camilla, duquesa da Cornualha, se casaram em 2005, mas tiveram um longo relacionamento desde que se conheceram no início dos anos 1970.

-Publicidade-

Uma vez, a princesa Diana disse que havia “três de nós neste casamento” na entrevista com Martin Bashir – o que sugere que Camilla pode ter sido um fator na separação deles. O especialista real Howard Hodgson afirma que o monarca “adora absolutamente” Camilla agora.

Mas a opinião de Sua Majestade sobre a nora não era nada favorável naquela época. Em 2018, o autor investigativo Tom Bowyer afirmou que a Rainha não aprovava o relacionamento. Mesmo quando Charles se separou de Diana em agosto de 1996, ela ainda não estava entusiasmada com o quão próximos eles eram.

O Sr. Bowyer escreveu para o Mail em 2018: “Por anos, tanto a Rainha quanto sua mãe se recusaram a ter qualquer coisa a ver com a amante de Charles. Eles não só não queriam que ela estivesse presente em qualquer função real, formal ou informal, como também a desaprovavam ativamente, e também do relacionamento de Charles com ela.

Mas Charles ficou cada vez mais frustrado com a mãe e a confrontou no Castelo Balmoral. Ele teria pedido a ela que “suavizasse seu antagonismo”, o que lhe permitiria “viver abertamente com Camilla”. Pedindo a bênção da mãe, ele esperava que ela não o proibisse de fazê-lo.

Príncipe Charles e a Duquesa Camilla
Príncipe Charles e a Duquesa Camilla (Foto: Reprodução/Mirror)

O Sr. Bower acrescentou: “Mas naquela noite ela tomou vários martínis e, para a surpresa de Charles, ela respondeu vigorosamente: ela não toleraria o adultério, nem perdoaria Camilla por não ter deixado Charles sozinho para permitir que seu casamento se recuperasse.”

A rainha teria acusado o Príncipe de Gales de mentir sobre o relacionamento com Camilla, a quem chamou de “aquela mulher perversa”. Ela então teria gritado: “Não quero nada com ela”. Isso fez com que um “perturbado” Príncipe Charles saísse e ligasse “em prantos” para Camilla

Mas a explosão emocional não acabou com o conflito. Em uma celebração do 60º aniversário do rei Constantino da Grécia, a rainha teria recusado uma apresentação formal a Camila. Foi no funeral da Rainha Mãe em 2002 que a sogra e a nora tiveram o ponto de inflexão.

A rainha mudou de ideia e convidou Camilla para o funeral depois que Charles fez uma homenagem emocionante à avó na TV, escreveu Bower. Agora Camilla e a Rainha têm um bom relacionamento, disse o especialista real Howard Hodgson ao Express.

“Aquelas duas damas [Camilla e Sophie, condessa de Wessex], a rainha absolutamente as adora”, escreveu Hodgson. “A Rainha se dá muito bem com Camila. Ela realmente não entendeu e provavelmente era culpada de acreditar no que ela pode não ter lido, mas que lhe foi dito.”.