Relato: “Dei o nome da minha mãe ao meu bebê e agora minha madrasta está brava comigo”

Uma mãe foi até o Reddit para compartilhar uma situação um tanto quanto complicada que está passando na família e pedir a opinião dos internautas

Resumo da Notícia

  • Mulher faz relato sobre o que está acontecendo na própria família
  • Ela contou que a madrasta está brava por ela ter escolhido o nome da mãe dela e do marido dela para dar à filha
  • Ela disse que o pai e os filhos da madrasta concordaram que a decisão não foi legal
  • A mulher pediu a opinião dos internautas sobre o assunto

Uma mulher foi até o Reddit recentemente fazer um desabafo sobre uma confusão que a madrasta fez na família após descobrir que o filho dela não levaria o nome e nem sobrenome da madrasta. Após relatar o que havia acontecido, a mulher pediu a ajuda dos internautas para lidar com a situação.

-Publicidade-
Relato: “Dei o nome da minha mãe ao meu bebê e agora minha madrasta está brava comigo” (Foto: Getty Images)

Ela começou contando que a madrasta dela tem três filhos e o pai tem só ela. “Eles se casaram quando eu tinha 5 anos e os filhos dela 3, 8 e 11. Minha mãe morreu 3 anos depois do casamento deles e eu passava todos os finais de semana em tempo integral com eles. Minha madrasta começou a me tratar da mesma forma que tratava seus filhos“, escreveu.

A mulher seguiu contando que, agora, a madrasta em questão é avó de 2 netos e ambos têm o nome dela. “A neta tem o primeiro nome e o neto tem uma variação masculina do primeiro nome dela”, seguiu, explicando. Seguindo essa linha de homenagens, a mulher contou que deu à luz há algumas semanas e batizou a filha em homenagem à mãe dela e a do marido. A madrasta, no entanto, não gostou nada dessa ideia.

“A decisão causou um grande rebuliço porque o nome da minha madrasta não fazia parte do nome dela. Não me envolvi a princípio, mas alguns dias atrás liguei via chamada de vídeo para meu pai, minha madrasta e os filhos dela. Na ligação, eles perguntaram porque o nome da madrasta foi excluído, levando em consideração que minha filha recebeu o nome das duas avós. Minha resposta foi que eu queria dar a ela o nome de minha mãe e da mãe do meu marido (que ainda está viva) e que ela (madrasta) já tem os dois netos com o nome dela. Ela ficou muito chateada e saiu chorando”, seguiu ela, contando.

“Meu pai me disse que a maneira como eu falei fez parecer que ela não é a avó do meu filho e os filhos dela concordaram com ele. Eu disse que a mãe deles era a avó do meu filho da mesma forma que meu pai é o avô dos filhos deles. Eles disseram que era diferente e eu falei que não era. Meu pai me disse que era muito diferente porque sua esposa se tornou minha mãe após a morte de minha mãe”, completou ela, perguntando a opinião dos internautas sobre o que estava acontecendo.

“Isso não faz o menor sentido! Foi legal da parte dos filhos dela batizarem os netos com o nome dela, mas você não precisa fazer isso”, escreveu uma internauta. “Concordo! Além disso, seria estranho ou confuso se todas as pessoas da mesma família tivessem o mesmo nome”, opinou outro.