Relato: “Minha mãe exige que meus filhos usem roupa social para vê-la como forma de respeito”

Uma mãe usou as redes sociais para desabafar sobre uma situação complicada que está vivendo com a própria família e pediu a ajuda dos internautas

Resumo da Notícia

  • Uma mãe usou as redes sociais para desabafar sobre uma situação complicada que está vivendo com a própria família
  • Ela contou que os pais dela disseram que só querem ver os netos se eles estiverem usando roupas sociais
  • A avó disse, ainda, que vestir moletom é "falta de respeito"
  • Junto com o relato, a mãe pediu ajuda dos internautas para lidar com a situação

Uma mãe furiosa usou as redes sociais para fazer um desabafo. Em um relato compartilhado no Reddit, ela contou que os pais dela estão se recusando a ver os netos, a menos que eles estivessem vestidos com as melhores roupas que têm. No desabafo, ela explicou melhor a situação e pediu a opinião dos internautas.

-Publicidade-

“Meus pais e eu passamos algum tempo separados. Parei de falar com eles por volta de 2011 e voltamos a entrar em contato em 2018, quando enviei convites para meu casamento”, começou ela, admitindo. Ela contou, então, que os filhos dela de 11, 7 e 5 anos não viam os avós há algum tempo, devido à pandemia de covid-19. As restrições, no entanto, foram suspensas onde ela mora e, por isso, ela aproveitou para levar as crianças para ver os avós.

Relato: “Minha mãe exige que meus filhos usem roupa social para vê-la como forma de respeito” (Foto: Getty Images)

Ela seguiu explicando que o encontro foi bom e tranquilo. Quando ela mandou uma mensagem para marcar um outro encontro no fim de semana seguinte, os pais concordaram novamente. “Mas a resposta foi muito curta e achei que eles poderiam estar chateados comigo”, explicou ela, contando que perguntou a eles se algo havia acontecido e eles responderam que estava tudo bem.

“O tempo passou e estamos planejando nos encontrar novamente amanhã. Fui mandar uma mensagem para eles confirmando se ainda estava de pé e minha mãe fez alguns comentários, pedindo que eu me certificasse de que as crianças se esforçassem mais dessa vez. Achei que ela estava falando sobre a atitude deles, então liguei para ela para perguntar se meus filhos a insultaram de alguma forma, mas ela disse que se referia à aparência”, seguiu ela, contando.

“Ela disse que reparou que no último fim de semana, quando todos os meus filhos apareceram usando tênis, jeans e um moletom, eles estavam sendo desrespeitosos e não estavam se esforçando para o encontro. Eu disse ‘mãe, eles são crianças, pelo amor de Deus'”, relembrou ela, mas a mãe, no entanto, não desistiu.

“Minha mãe afirmou que havia um certo nível de respeito acoplado às roupas e que eles vestirem algo menos do que um casual elegante era desrespeitoso, considerando que ela e meu pai, assim como meu marido e eu, nos esforçávamos. Recusei-me a deixá-la terminar metade das frases, dizendo que não faria meus filhos se fantasiarem para vê-los”, completou ela. Ela disse que a mãe, então, ficou frustrada e encerrou a ligação.

“Recebi, então, uma série de mensagens sobre como seria bom se eu pudesse convencer meus filhos a ficarem bem ao vê-la, dizendo que não é pedir muito que eu ensine bons hábitos, e mesmo que eu não o fizesse , o mínimo que eu poderia ter feito era deixá-la terminar uma frase. Eu disse que ela deveria dizer outra coisa então, e ela disse que eu estava sendo muito rude ao não deixá-la ter uma opinião e interrompe-la como eu fiz”, continuou, dizendo que a mãe está agora à espera de um pedido de desculpas.

A mulher perguntou aos internautas se ela estava errada por se recusar a fazer os filhos a usarem roupas sociais para ver a avó e a maioria concordou com ela. “Sua mãe parece pensar que são bonecos, não seres humanos”, escreveu um. “Se vocês fossem a um restaurante chique, isso seria diferente, mas uma visita familiar próxima? Eles deveriam ter permissão para ficarem confortáveis, assim como todos vocês”, opinou outro.

“Ela tem razão ao dizer que há momentos em que vestir-se  é um sinal de respeito”, pontuou outro.  “Então ela ficou chateada porque seus filhos estavam vestidos como crianças? Que conceito aterrorizante. Melhor sair correndo e comprar para eles terninhos e vestidos feitos sob medida, conforme apropriado, para que seus pais entendam que eles ‘se esforçam'”, disse mais um.