Relato: Mulher decide registrar o nome de solteira na certidão do bebê para se vingar do marido

O caso aconteceu no fim de semana e o homem decidiu compartilhar a sua versão da história em um fórum online

Resumo da Notícia

  • Um homem decidiu desabafar no Reddit sobre a briga que teve com a esposa
  • Segundo ele, a mulher queria utilizar o dinheiro da universidade do outro filho do esposo
  • O motivo era porque ela gostaria de receber um tratamento clínico em um hospital particular na hora do nascimento do bebê

Tenso! Um pai anônimo decidiu desabafar para os usuários do Reddit, uma rede social que produz conteúdo pelos próprios usuários, sobre a briga atual que enfrentou com esposa De acordo com ele, a esposa decidiu colocar o nome de solteira na certidão de nascimento do filho, porque o marido se recusou a pagar por um hospital particular chique para o nascimento da criança.

-Publicidade-

O homem escreveu o relato no fórum para obter conselhos, e alegou que ficou magoado com a vingança pouco depois de terem o bebê. De acordo com ele, o casal se desentendeu quando a mulher exigiu que o dinheiro economizado para o fundo da faculdade do outro filho do esposo, fruto de um relacionamento anterior, fosse utilizado para parar um tratamento privado.

“O problema começou quando minha esposa pediu que eu puxasse dinheiro do fundo da faculdade do meu filho para pagar uma cesariana em um hospital privado.”, começou escrevendo o anônimo. “Recusei o pedido dela. Ela reclamou que eu não parecia me importar com ela ou com o bem-estar de nosso filho, embora não houvesse nada com que me preocupar em termos de saúde.”

Pai e filha se desentenderam antes de irem ao casamento de um parente
O casal se desentendeu por conta dos caprichos da mulher (Foto: Reprodução)

Entretanto, o argumento do marido não convenceu a esposa, que discordou até o fim. “Eu tentei garantir a ela que tudo ia ficar bem, mas ela argumentou que eu não tenho ideia de como é e me disse que se eu me recusar a colocar dinheiro na [cesariana], então eu não deveria ficar surpreso quando ela decidisse colocar o nome de solteira dela na certidão de nascimento de nosso filho, em vez do nome de minha família.”

Desacreditado de que a companheira fosse capaz de tal atitude, o homem ignorou as ameaças. Entretanto, a mulher realmente foi em frente com o plano e, além disso, não aceitou que o esposo a acompanhasse na maternidade. Ele só conheceu o bebê quando a esposa voltou para casa, o mesmo dia em que ele descobriu que o filho estava apenas com o nome de solteira dela na certidão de nascimento.

“Eu imediatamente fui atrás dela, mas ela disse que eu causei isso e alegou que eu estava obviamente favorecendo o meu filho mais velho em relação ao meu mais novo antes mesmo de ele nascer.”, desabafou o anônimo na postagem que recebeu mais de 4.000 comentários dos usuários do Reddit, que decidiram não apoiar o pai desta vez.

“Ok, então por que é uma idiotice a criança ter o sobrenome da mãe e não do pai?”, escreveu um. “Você sabe, a pessoa que os carregou por nove meses no útero e passou por um procedimento muito traumático e invasivo para dar à luz. Você já tem um filho com o sobrenome dele.”, argumentou outro. “Sim, eles deveriam ter concordado, mas eles também deveriam ter concordado com os cuidados de saúde dela no nascimento de seu filho e ele não fez isso.”, respondeu um terceiro.