Retorno das aulas em São Paulo é adiado: veja a nova previsão

João Doria, governador do Estado, dará mais detalhes sobre a decisão em uma entrevista coletiva nesta sexta-feira, 7 de agosto

Resumo da Notícia

  • A nova data foi adiada em quase um mês
  • O governador do Estado de São Paulo, João Doria dará mais informações durante uma entrevista coletiva
  • Foi proposto também uma data para abertura opcional

Nesta sexta-feira, 7 de agosto, João Doria, governador do Estado de São Paulo, irá anunciar que a retomada das aulas presenciais nas instituições públicas e privadas de ensino têm previsão de retorno a partir do dia 5 de outubro. A nova data é de quase um mês após a primeira prevista pelo Plano SP.

-Publicidade-
Veja como irá funcionar (Foto: Getty Images)

De forma opcional, as unidades poderão reabrir para atividades de acolhimento de alunos no dia 8 de setembro. A proposta é dedicada aos pais que precisam trabalhar presencialmente e não podem ficar com os filhos. A informação sobre o adiamento foi confirmada pela colunista Raquel Landim, da CNN.

Mais detalhes foram divulgados em um coletiva de imprensa nesta sexta-feira, 7 de agosto, a partir das 12h45. As condições para o retorno de reabertura dos colégios era de que o estado ficasse 28 dias na fase amarela. Até o momento, o estado de São Paulo registra 24,4 mil óbitos pelo novo coronavírus, sendo 40% apenas na capital. De acordo com as informações divulgadas pela coletiva, o retorno das aulas está previsto para acontecer no dia 7 de outubro.

-Publicidade-

O 9º Seminário Internacional Pais&Filhos – A Tal da Felicidade está aí! Ele vai acontecer no dia 19 de agosto, completamente online e grátis. Serão oito horas de transmissão ao vivo e você pode acompanhar tudo neste link aqui. Esperamos por você!

-Publicidade-