Romana Novais conta história sobre a escolha do nome Raika: “Alok teve um sonho”

A médica deu uma entrevista ao canal do Youtube da Thais Fersoza e abriu o jogo sobre o nascimento da filha, contando detalhes sobre a escolha do nome

Resumo da Notícia

  • Romana Novais abre o jogo sobre a escolha do nome dos filhos
  • Ela contou que quem escolheu o nome de Raika foi a sogra
  • Ela disse que Alok teve um sonho relacionado ao nome
  • Romana é mãe de Raika e Ravi, fruto do relacionamento com o DJ Alok

A médica Romana Novais falou um pouco sobre a ideia dos nomes dos filhos, Ravi e Raika, em entrevista à Thais Fersoza, esposa de Michel Teló. Em uma conversa feita no canal do YouTube da Thaís, Romana, que é casada com o DJ Alok, abriu o jogo e contou um pouco sobre a família e a rotina com os filhos.

-Publicidade-
Romana Novais abre o jogo sobre escolha dos nomes dos filhos em entrevista com Tatá Fersoza (Foto: reprodução YouTube)

“O Ravi foi ideia minha, a Raika foi uma ideia da mãe do Alok. A gente estava conversando aqui em casa um dia e falando de nomes, batendo um papo. Eu já tinha pensado nessa ideia mas ainda não tinha tido nenhum insight assim do tipo ‘vai ser esse’.  E aí conversando com a mãe do Alok ela falou ‘e Raika?’. Eu achei esse nome muito forte, é um nome muito lindo”, começou ela, contando.

Logo depois, eles começaram a pensar em relacionar o nome com a família. “Ele começa com R e aí depois pensamos em colocar com o K também, de Alok. E fazer essa troca. A gente é muito de significado, eu e o Alok. Então comecei a trabalhar esse tema, o Alok amou de primeira. Então primeiro a gente escolheu o nome para depois ver o significado”, continuou. “Quando a gente viu o significado do nome, achamos que fazia total sentido. A Raika foi um bebê que veio agora, depois do Ravi e o Ravi veio depois de uma perda“, continuou.

-Publicidade-

Ela seguiu falando de um sonho que Alok teve. “O Alok teve um sonho, nele ele sonhava com uma menininha que falava ‘pai, não se esqueça de mim’. Porque nossa primeira filha que a gente perdeu, por meio de um aborto espontâneo, era uma menina. Então o Alok sonhou depois com essa menininha e ele ficou muito com isso na cabeça. Quando a gente engravidou da Raika ele falou: ‘se for menina, pense em um nome com esse significado de vento’. A gente achou que tinha tudo a ver. O vento que às vezes tira uma coisa da gente é o mesmo vento que volta e nos fortalece. Acho que a história da Raika tem tudo a ver com o nome dela”, completou.

Ao longo da entrevista, as duas também conversaram sobre outros temas, como o parto de Romana, a importância das mulheres ouvirem e respeitarem o próprio corpo, as dificuldades da gestação, e muito mais. Você pode assistir ao vídeo completo abaixo:

-Publicidade-