Rússia aprova segunda vacina contra covid-19 com tecnologia parecida com a de Ebola

A notícia foi dada pelo presidente Vladmir Putin durante uma reunião de governo nesta quarta-feira, 14 de outubro

Resumo da Notícia

  • Rússia aprova mais uma vacina contra covid-19
  • A notícia foi anunciada pelo presidente Vladmir Putin
  • Relembre informações sobre a primeira vacina produzida pelo país

A Rússia aprovou uma segunda vacina contra a covid-19 nesta quarta-feira, 14 de outubro, a “EpiVacCorona”. A notícia foi dada pelo presidente Vladmir Putin durante uma reunião de governo. De acordo com informações do G1, a vacina foi desenvolvida pelo Instituto Vector, da Sibéria, e o estágio inicial dos testes em humanos foram concluídos em setembro. O estudo de Fase I injetou a imunização em cinco voluntários, com a possibilidade de ampliação dos testes em até 100 voluntários com idades entre 18 e 60 anos.

-Publicidade-
Essa á a segunda vacina aprovada pelo país (Foto: Unsplash)

Em uma transmissão feita pelas emissoras de televisão local, Putin falou sobre a produção da vacina e alertou sobre a necessidade de acelerar o processo. “Precisamos aumentar a produção da primeira e da segunda vacina”, disse o presidente.

O líder também agradeceu todos os pesquisadores envolvidos. “Gostaria de parabenizar os cientistas, todos os funcionários do Instituto Vector de Novosibirsk, por esse sucesso. Essa é, sem dúvida, uma tarefa muito importante que vocês, queridos amigos, resolveram com sucesso”, disse.

-Publicidade-

A vacina desenvolvida pelo instituto é feita a partir de uma tecnologia criada inicialmente para o Ebola. Ela é composta por fragmentos de proteínas (peptídeos) do vírus que são capazes de estimular o sistema imune a induzir uma resposta protetora.

Primeira vacina

Eles já tinham feito a aprovação de uma vacina em agosto (Foto: Getty Images)

A primeira candidata a vacina registada pela Rússia aconteceu em agosto deste ano. A vacina, que foi batizada de “Sputnik V” em homenagem ao primeiro satélite do mundo, lançado pela União Soviética, foi desenvolvida pelo  Instituto Gamaleya, de Moscou. Os testes em estágio avançado desta candidata com pelo menos 40 mil pessoas estão em andamento.

Chegou o Prime Day da Amazon! Nos dias 13 e 14 de outubro, você terá descontos incríveis em todas as categorias do site. Confira as ofertas AQUI! As promoções são exclusivas para membros Prime, então se você ainda não é assinante, aproveite para fazer sua inscrição CLICANDO AQUI. A assinatura é de apenas R$ 9,90 por mês e, além de promoções especiais, você tem acesso a filmes, séries e desenhos animados, e direito a frete grátis nas compras do site.

-Publicidade-