Samara Felippo desabafa sobre episódio de racismo com a filha: “Isso é crime”

A atriz contou que um coleguinha foi racista com a filha na sala de aula e ela tomou providências no colégio

Resumo da Notícia

  • Samara Felippo contou que filha Lara, 8, sofreu racismo por um colega na sala de aula
  • O menino chamou a filha da atriz de "negrinha chata" o que causou revolta na mãe
  • A escola disse ter tomado as devidas providências

A atriz Samara Felippo contou em uma live no Instagram, um episódio de racismo que a filha casula Lara, 8, sofreu na escola. Ela diz que a menina só comunicou ela uma semana após o ocorrido.

-Publicidade-

A filha chegou em Samara e contou que um colega de classe a chamou de “negrinha chata”, a mãe ficou em choque e perguntou como a filha estava, como ela havia reagido e se ela contou para a professora o que aconteceu.

Samara ressaltou para a filha que o menino deveria mudar o comportamento, e aquilo não deveria se repetir pois era crime, se ele não pagasse os pais deveriam pagar pelo o ocorrido.

Samara e as duas filhas Lara de 8 anos e Alicia de 12 (Foto: Reprodução/Instagram @sfelippo)

A mãe enviou um email para a escola dizendo: “Aconteceu isso, isso e isso e eu quero saber se vocês vão falar com os pais”. Ela ficou inconformada pois como poderiam acreditam em uma evolução da sociedade, se um menino branco vai para a escola que se intitula antirracista e inclusiva, mas reproduz esse tipo de discurso.

Samara aponta que o grande problema é justamente o menino chegar em casa e ver esse tipo de comportamento, e repetir na escola como se fosse algo normal. Ela continua dizendo: “E crianças como a minha filha e tantas crianças pretas que deixam de ir para a escola e são feridas na primeira infância, atravessadas pelo racismo”

A atriz continua desabafando na live e conclui que a escola entrou em contato com ela, afirmando ter chamado os pais e o menino para conversarem. Esperamos que tal ação não volte a se repetir.