Sandy se despede de Patrícia Kisser, madrinha de seu filho: “Não estou querendo acreditar”

Patrícia Kisser, amiga e madrinha do filho de Sandy, morreu após não resistir a um câncer de cólon

Resumo da Notícia

  • Sandy publicou um longo texto se despedindo de Patrícia Kisser
  • Ela era amiga da cantora e madrinha do filho de Sandy, Theo
  • Patrícia morreu em decorrência de um câncer de cólon
  • Ela era esposa de Andreas Kisser, da banda Sepultura

No último domingo, dia 3 de julho, a cantora Sandy fez um longo texto para se despedir de sua amiga e madrinha de seu filho, Theo. A mulher era Patrícia Kisser, casada com Andreas Kisser, da banda Sepultura. Ela morreu aos 52 anos em decorrência de um câncer no cólon. Sandy publicou fotos ao lado da amiga e dela com o filho, e se emocionou ao falar da relação que elas tinham.

-Publicidade-

“Cumadi querida, faz tempo que eu te conheço, mas, nos últimos 9 anos você tomou conta de um lugar muito especial no meu coração… Com esse seu jeito divertido, carinhoso, espontâneo, meio ‘criança’, foi entrando na minha vida e se tornando insubstituível. E eu fiquei tão encantada, tão admirada e grata por tudo que você fez por mim e pelo nosso Theozinho, mesmo antes dele nascer, que confiei a você um dos papéis mais importantes na vida de uma criança: o de ser sua dinda. E você, obviamente, desempenhou com maestria essa missão, ao longo desses últimos 8 anos. E você foi muito além disso”, iniciou Sandy.

Theo com Patrícia, sua madrinha (Foto: Reprodução Instagram)
Theo com Patrícia, sua madrinha (Foto: Reprodução Instagram)

A cantora acrescentou: “Até você começar a ficar ‘conchinha’, quase não teve um dia sequer em que eu não tenha falado com você. E esse mérito é todo seu, porque você sempre foi uma amiga proativa, dessas que cutucam e fazem a gente se lembrar do quão importante é aguar a plantinha linda de uma amizade preciosa. E você me ensinou tantas e tantas outras coisas, que eu nem sei se você sabe… Não sei se deu tempo de te falar de tudo.”

“Está doendo muito saber que eu não vou mais te ouvir, te ver, te ‘ler’, sentir seu abraço gostoso e entregue, te contar de cada dentinho que caiu do nosso menino, de cada reunião com a professora, que te deixava tão orgulhosa, de cada nova descoberta, novo interesse dele, de cada playlist inspirada pelo Dindão, de cada viagem, cada conquista, cada tristeza, cada alegria… Que a gente não vai mais organizar juntas as festinhas de aniversário… Eu não acredito que você não vai estar lá na formatura dele, que você tanto queria. Não estou querendo acreditar”, lamentou, destacando a ausência que a amiga irá fazer.

“Eu não sei muito bem qual é a lição que a vida está querendo nos dar com essa sua partida tão, tão prematura. Faltava muito ainda pra gente viver junto. Essa sensação não sai de mim. Mas você foi sempre sabiamente intensa, e, graças a Deus, nunca deixou muitas coisas para depois. E espalhou mais amor em 52 anos do que me parecia possível espalhar em 100. Ainda bem que eu disse muitas vezes que eu te amo. Seu coração é dos mais lindos que eu já conheci. Obrigada por tudo que você foi e é pra mim, pra minha mãe, pro Theo, pra toda minha família (que até poucos anos atrás, o Theo não sabia que não era exatamente parte da sua)… Obrigada por tanto, tanto. E, de novo, eu te amo, tá? Eu vou sempre te amar. Vai lá encontrar a Bruninha, que ela está te esperando; você vai ver que ela está”, encerrou o texto.

Theo com Patrícia, sua madrinha (Foto: Reprodução Instagram)
Sandy lamentou a morte prematura da amiga (Foto: Reprodução Instagram)

A morte de Pat, como era conhecida, foi anunciada no último domingo nas redes sociais do marido, Andreas, que também fez homenagens a mulher. Ela deixa três filhos frutos do relacionamento com o cantor, Enzo, Giulia e Yohan.