São Paulo prorroga fase de transição e prevê vacinação para pessoas de 45 a 54 anos em agosto

A partir de uma coletiva de imprensa realizada no início da tarde desta quarta-feira, 26 de maio, mais datas para a vacinação contra a covid-19 foram previstas para agosto

Resumo da Notícia

  • A fase de transição foi prorrogada até o dia 14 de junho
  • São Paulo irá realizar 10 eventos testes com monitoramento
  • Em agosto, é previsto a vacinação do público de 45 a 54 anos

Nesta quarta-feira, 26 de maio, o governo do Estado de São Paulo realizou uma coletiva de imprensa para informar sobre a situação da pandemia do novo coronavírus. A partir de estudos sobre os números de casos, internações e óbitos, ficou definido a prorrogação da fase de transição do Plano São Paulo.

-Publicidade-

Segundo o governador João Doria, os indicadores da pandemia recomendam um momento de cautela. As atividades econômicas e comerciais continuam funcionando até as 21h, nos moldes que já vem sido operados anteriormente. A fase de transição irá acontecer até o dia 14 de junho e Patricia Ellen, secretária de desenvolvimento, pede que o toque de recolher continue sendo seguido das 21h às 5h. Taxa de ocupação permanece em 40%.

Calendário de vacinação em São Paulo

Sobre a vacinação da população, foi anunciado ainda que o público de 45 a 54 anos começará a ser imunizado contra a covid-19 a partir do dia 2 de agosto. Dos dias 2 a 16 de agosto, serão vacinados pessoas de 45 a 54 anos, já em 17 a 31 de agosto o público de 45 a 49 anos.

Em agosto, é previsto a vacinação do público de 45 a 54 anos contra a covid-19 (Foto: Freepick)

Já na sexta-feira, 28 de maio, serão vacinados os trabalhadores aeroviários de Congonhas, Cumbica e Viracopos. Trabalhadores da área portuária terão a imunização iniciada já na próxima terça-feira, 1º de junho.

De acordo com o governador, foram adquiridos ainda 1 milhão de testes rápidos, que serão distribuídos aos municípios. “Eles são capazes de detectar um caso de coronavírus em até 15 min e tem efetividade de 98%”, explica João Doria.

São Paulo irá realizar 10 eventos testes no estado

No próximo mês, a partir do dia 15 de junho, serão realizados em São Paulo dez eventos testes no estado. Os programas serão controladas e terão testagem rápida para todos os participantes. Além disso, os eventos serão apoiados pela secretaria da Saúde, Desenvolvimento e Turismo e Cultura.

De acordo com Patricia Ellen, “são eventos controlados para ter dados científicos. As pessoas que participarem serão testadas e monitoradas por duas semanas”. João Gabbardo, coordenador do centro de contingência da covid-19, informou ainda que todos já haverá uma preparação antecedente aos programas culturais.