São Paulo suspende fase vermelha e libera funcionamento de restaurantes e comércios no fim de semana

Em coletiva de impresa, João Dória deu mais informações sobre a decisão de recuar com a fase vermelha, queda na taxa de internações causados pelo vírus e campanha de vacinação drive-thru para idosos

Resumo da Notícia

  • O governador de São Paulo fez uma nova coletiva de imprensa para dar novas informações sobre o Plano São Paulo
  • João Dória anunciou a suspensão da fase vermelha neste final de semana
  • Ele também deu informações sobre a campanha de vacinação em idosos

Na última segunda-feira, 1 de fevereiro, o governo de São Paulo se pronunciou sobre o decreto de fase vermelha em todo o estado. A medida foi anunciada por João Dória em uma coletiva de imprensa no dia 22 de janeiro e duraria, teoricamente, até o próximo final de semana, 7 de fevereiro.

-Publicidade-
(Foto: Reprodução Facebook Governo do Estado de São Paulo)

Nesta quarta-feira, 03, a gestão do governador João Dória participou de uma nova coletiva de imprensa para dar mais detalhes sobre a decisão de recuar e se, de fato, essa medida seria tomada. No primeiro dia de fevereiro, a secretária do Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, disse que “na última semana houve uma queda de 8%” na taxa de internações e que, se o cenário continuasse dessa maneira, “o governo do Estado de São Paulo anunciaria mudanças nas medidas de restrições”, complementou João Dória.

A coletiva de imprensa de 03 de fevereiro

“Boas notícias” começou o governador João Dória. As primeiras informações passadas por ele foram sobre a vacina do Butantã. De acordo com ele, na noite desta quarta-feira, 3 de fevereiro, chegam no Aeroporto de Viracopos mais 8 milhões e 600 mil doses da vacina do Butantã. Com essas novas doses, “chegamos a 17 milhões e 300 mil doses da vacina do Butantã“, contou Dória.

Essas doses começam a ser distribuídas a partir de 23 de fevereiro. Ainda segundo o governador, durante a coletiva, 9 em cada 10 vacinas usadas no Brasil são as produzidas pelo Instituto Butantã. Após essa primeira notícia, o João Dória voltou a falar sobre a vacinação de idosos no estado e o recuo da decisão sobre manter o estado em fase vermelha durante os finais de semana.

Recuo da Fase Vermelha

O governador João Dória anunciou que a fase vermelha, iniciada em 22 de janeiro, foi suspendido. De acordo com ele, houve uma diminuição de 11% no número de internações por Covid-19 em leitos públicos e privados.  A queda permite suspender a decisão de fechamento das atividades econômicas já neste final de semana em todo o estado de São Paulo.

Paulo Menezes, coordenador do Centro de Contingência do Covid-19, ressaltou que a situação ainda está grave. De acordo com ele, interior do estado tem maior índice de transmissão do vírus, e muitas dessas regiões ainda estão na fase vermelha. Ele ainda frisou que, se não houver necessidade de sair de casa, é melhor evitar.

Joao Doria reforçou que, apesar da queda na taxa de internações, não é momento de baixar a guarda. Ainda há a obrigatoriedade do uso de máscaras, não aglomerar em qualquer local, o uso de álcool gel e todas as medidas de segurança e proteção ainda não extremamente necessárias. Portanto, restaurantes, comércios e outros estabelecimentos que não puderam funcionar no final de semana passado poderão funcionar neste final de semana.

Vacinação de idosos

A vacinação de idosos com mais de 90 anos começa na próxima segunda-feira, 8 de fevereiro. Para garantir a segurança e conforto da população, João Dória anunciou que a campanha de imunização contará com com cinco pontos de drive-thru ao longo da capital. Dessa maneira, o público alvo da campanha nesta fase não precisará sair do carro para poder ser vacinado. Além disso, também serão alocadas equipes de saúde para vacinar os idosos em casa.

(Foto: Reprodução Facebook Governo do Estado de São Paulo)

Os cinco pontos de drive-thru estão localizados na Praça Charles Muller, Estádio do Pacaembu; portal principal da Arena Corinthians, na zona leste; portão principal do Autódromo de Interlagos; no pavilhão de exposições do Anhembi, portão 38; na Igreja Boas Novas da Vila Prudente.

Além dos pontos de drive-thru, 468 Unidades Básicas de Saúde e mais de 400 escolas de saúde municipal também atenderão a população alvo desta fase da campanha de vacinação. A partir de 15 de fevereiro, começa o plano para imunizar os idosos com mais de 85 anos.

Carnaval em São Paulo

João Gabbardo anunciou que o Centro de Contingencia está avaliando o que será feito durante a época do carnaval, uma vez que já foi decidido que não haverá feriado no estado e o ponto facultativo foi deixado de lado. “É possível que seja acrescida uma recomendação na época de carnaval”. A decisão ainda esta sendo discutida no centro de contingencia, então não haviam mais informações sobre qual caminho o governo do estado de São Paulo tomaria.