Família

Só vivendo mesmo! Após passar pela maternidade, filha escreve carta à mãe: “você estava certa!”

"Assisti você passar por momentos difíceis e você sempre sai mais forte deles"; leia relato completo

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

carta para a mae

Após viver e saber o que é ser mãe, a americana Celsea Jenkins, escreveu e divulgou uma carta que fez para sua mãe em homenagem ao Dia das Mães. Vem se emocionar com a gente:

“Querida mãe,

Este ano celebro meu primeiro Dia das Mães como mãe e tenho algumas coisas que gostaria de compartilhar com você. Primeiro, você sempre disse que ser mãe é o maior presente que você já recebeu. Eu provavelmente costumava revirar meus olhos toda vez que você dizia isso, mas agora eu sei que você estava certa – não há nada no mundo igual a isso. Criar gêmeos parece uma tarefa bem difícil, mas você sempre viu isso como uma bênção. Falando em gêmeos, como você alimentou dois bebês ao mesmo tempo? Eu te respeito ainda mais agora que sei o quão difícil é amamentar apenas um bebê. Eu não posso imaginar dois! Francamente, meu corpo dói só de pensar nisso.

Obrigada por preencher nossas vidas com tanta diversão, alegria, risos e amor. Construímos bonecos de neve no inverno, plantamos flores no verão e saímos para as festas todos os anos. Obrigada por compartilhar seu amor pela música dos anos 80 e brechós. Obrigada por me ensinar a cozinhar (sua lasanha e biscoitos de Natal nunca serão batidos!). Obrigada por colocar em nós a importância de retribuir. Você é altruísta e tem um coração enorme.

Eu amo que você é extrovertida naturalmente e amiga de todos que você conhece. Agora que sou mãe, espero ensinar minha filha a ter o mesmo interesse em aprender sobre os outros e retribuir sem esperar nada em troca. Eu também espero colocar nela a força que você sempre me mostrou crescer. Eu assisti você passar por momentos difíceis e você sempre sai mais forte deles. Você me inspira a permanecer positiva, mesmo que pareça quase impossível. A maternidade não tem sido o caminho mais fácil até agora, mas sua ajuda e orientação me enchem de tanta gratidão. Obrigada por ainda segurar minha mão, embora agora eu seja a pessoa que precisa segurar a mãozinha de outra pessoa.

Então, neste ano, no meu primeiro Dia das Mães como mãe, eu te celebro por tudo que você fez por mim e me esforço para ser o tipo de mãe que você sempre foi – alguém que inspira criatividade, cria mundos grandes e lindos e é altruísta, amorosa e gentil. Eu nunca entendi o que isso significava até ter minha filha. Enquanto eu me apaixonei tanto por ela, eu também te amei mais naquele momento do que eu jamais imaginei ser possível. Seus sacrifícios e amor incondicional se tornaram tão claros para mim. Neste Dia das Mães e em todos os dias depois, eu me esforçarei para ser a metade da mãe que você é. Aprendi com os melhores e mal posso esperar para ver o que mais você tem para me ensinar.

Com todo meu amor,

Sua menina, que virou mulher, que virou mãe”

Leia também:

5 Motivos que fazem mães se sentirem culpadas (e como resolvê-los!)

Relato de mãe: “não existem regras na casa dos avós dos meus filhos e eu não ligo mais”

Avó pode tudo sim! E agora temos provas científicas

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não