Tatá Werneck conta como conheceu Paulo Gustavo: “Disse que era meu fã”

A humorista usou as redes sociais para relembrar o primeiro encontro com o amigo e disse, ainda, que contou a presença de Ingrid Guimarães

Resumo da Notícia

  • Tatá Werneck conta como conheceu Paulo Gustavo
  • A humorista usou as redes sociais para relembrar o primeiro encontro com o amigo
  • Ela contou que Ingrid Guimarães estava presente nesse primeiro encontro
  • Pulo Gustavo está internado com covid-19 desde março e apresentou piora nesta segunda-feira, 3 de maio

Tatá Werneck usou as redes sociais para contar como conheceu Paulo Gustavo ao responder uma pergunta de uma internauta. Após a questão, feita nos stories do Instagram, a humorista fez uma verdadeira viagem no tempo e relembrou como foi a primeira vez que os dois conversaram. Tatá contou que Ingrid Guimarães estava junto quando tudo aconteceu.

-Publicidade-
Tatá Werneck conta como conheceu Paulo Gustavo (Foto: Reprodução / Instagram / @tatawerneck)

“Ele e a Ingrid [Guimarães] descobriram meu telefone e me ligaram no dia do meu aniversário. Eu estava na MTV e eles me ligaram, disseram que eram meus fãs, que estavam me assistindo. Eu já era fã deles. A irmã do Paulo me apresentou pra ele também”, contou ela.

Desde que Paulo Gustavo foi internado com covid-19, em março deste ano, Tatá tem usado as redes para compartilhar lembranças e mensagens de forças ao amigo e à família dele, provando a ligação que os dois têm. Ainda nas publicações, a humorista tem incentivado os seguidores que orem pela melhora do amigo.

Paulo Gustavo apresenta piora no estado de saúde

A assessoria do Paulo Gustavo divulgou um boletim sobre a saúde do ator que falava sobre sinais de melhora. Entretanto, de acordo com a Veja Rio, o ator teria tido uma embolia, insuficiência cardíaca e lesões cerebrais devido à uma abertura entre os pulmões e as veias – o que torna a situação mais grave.

A reportagem da Veja Rio ainda informa que a equipe médica responsável por Paulo Gustavo estuda a realização de uma cirurgia de altíssimo risco para fechar a fístula broncovenosa. O quadro do humorista é considerado crítico.

O ator, humorista e apresentador está internado desde o dia 13 de Março, devido a complicações da covid-19 e tem feito o uso de ECMO – espécie de pulmão artificial – e com ventilação mecânica. O que demanda vigilância constante da equipe médica. A Assessoria não se manifestou sobre o caso.