Thaeme coloca a mão na massa para festejar o 1º ano da filha e mostra decoração: “Pensei que não ia dar conta”

A cantora conversou com a Pais&Filhos e contou como fez para adaptar a festa da menina Liz à quarentena. Ela é casada com o empresário Fábio Elias

Resumo da Notícia

  • No dia 20 de maio a menina Liz, filha da cantora Thaeme Mariôto, completou 1 ano de vida
  • Nós conversamos com a cantora sobre esse momento tão especial na vida da família
  • A festa teve que se adaptar à quarentena
  • "No começo eu pensei que não ia dar conta, porque não tinha ninguém para ajudar"

-Publicidade-

No dia 20 de maio a menina Liz, filha da cantora Thaeme Mariôto com o empresário Fábio Elias, completou 1 ano de vida. A cantora tinha planejado um momento muito especial para comemorar esta data, mas, devido a pandemia do novo coronavírus, a festa teve que se adaptar à quarentena.

Nós conversamos com a Thaeme sobre esse momento tão especial na vida da família. A cantora, com auxilio da decoradora Raffaela Chaves, literalmente colocou a mão na massa e deu um jeito de festejar o primeiro ano de vida da bebê. Ela contou um pouco da rotina durante o confinamento e deixou um recado para a mães que estão passando pela mesma situação e querem agradar os filhos.

-Publicidade-
  • Como está sendo a rotina durante a quarentena?

Durante a quarentena estamos conseguindo manter uma rotina mais fixa com a Liz, porque não estamos viajando. Todos os dias ela acorda as 6 ou 7 da manhã, a gente come, brinca. Criamos uma rotina de brincadeiras, ela gosta muito brincar de comidinha, ler. Estamos aproveitando cada momentinho ao lado dela, cada conquista.

  • Você se sentiu de alguma forma decepcionada por passar o 1º aniversário da Liz em casa?

De maneira alguma. Quando eu soube que ia cancelar a festa pensei que iria comemorar 1 ou 2 meses depois. Quando eu fui percebendo que, provavelmente, não voltaria tão rápido ao normal eu falei: “Ah, vou pegar toda essa decoração que já chegou aqui e eu mesma vou fazer”. Não podia passar em branco, fiz para gente (de casa) e uma live para os amigos e os fãs acompanharem. Em nenhum momento me senti decepcionada, sou muito consciente.

  • Achou complicado ter que organizar a comemoração sozinha?

Sim. Olha, no começo eu pensei que não ia dar conta, porque não tinha ninguém para ajudar. Tinha que colar tudo, eu nem sabia se tinha o “dom” para isso. Mas quando eu comecei a organizar ficou divertido, foi muito gostoso ter que pensar na mesa de docinhos, improvisar e ir adaptando. Foi engraçado e muito prazeroso, eu não fiquei tensa. Foi um momento muito especial e ter organizado isso tornou tudo melhor, acho que até mais do que com alguém organizando tudo para mim.

  • Qual a decoração e por que você escolheu este tema?

Foi de Moranguinho. Foi o mesmo tema do meu aniversário de 1 ano há 33 anos atrás. Eu queria fazer uma releitura e uma homenagem a todas as pessoas que estiveram lá. Foi o 1 ano da minha filha e eu consegui me ver nela. Foi tudo emocionante.

  • Quem esteve presente durante o evento?

Todas as pessoas da live e a galera aqui de casa mesmo. Os únicos que vieram de fora foram meu sobrinho e os dindos da Liz. O único dia que eles vieram em toda quarentena. Chegaram tomaram banho aqui, passaram álcool gel e comemoramos.

  • Qual conselho você daria para mulheres que estão passando pela mesma situação que você e querem agradar os filhos?

Em relação à aniversário, eu acho que não pode passar em branco de jeito nenhum! Tem muitas opções de delivery, empresas que estão organizando a distancia. Todo mundo está trabalhando de casa, então os pedidos são por delivery, da para fazer. Em relação à presença dos familiares usem a tecnologia, os aplicativos, liguem para todo mundo. Eles têm que se sentir bem, foi o que aconteceu com meu sobrinho de 6 anos, e com a Liz. Eles ficaram super felizes, foi especial do mesmo jeito.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!

-Publicidade-