Thiago Fragoso sobre a paternidade e a carreira: “Meu papel mais importante é ser pai”

O ator é pai de dois meninos, Benjamin, 10 anos, e Martin, de 1 ano. Os dois frutos do relacionamento dele com Mariana Vaz

Resumo da Notícia

  • Thiago Fragoso completou 30 anos de carreira! O que é basicamente sua vida toda, tendo em vista que ele tem 39 anos de idade
  • O ator, que atualmente está na novela da Globo "Salve-se Quem Puder", abriu o jogo sobre a paternidade e como foi começar a atuar com apenas 9 anos
  • Ele é pai de dois meninos, Benjamin, 10 anos, e Martin, de 1 ano. Os dois frutos do relacionamento dele com Mariana Vaz

Thiago Fragoso completou 30 anos de carreira! O que é basicamente sua vida toda, tendo em vista que ele tem 39 anos de idade. O ator, que atualmente está na novela da Globo “Salve-se Quem Puder”, abriu o jogo sobre a paternidade e como foi começar a atuar com apenas 9 anos.

-Publicidade-

Sobre o início jovem ao meio artístico ele disse ao Splash: “A pior parte disso foi perder um pouco da infância. Lembro que, quando tinha uns 16 anos, queria ter a vida de um adolescente normal”. Nessa fase, ele estudou por um período nos Estados Unidos e questionou se queria mesmo ser um ator, mas não chegou a conclusão de que essa era realmente a sua paixão.

Sobre o lado bom de ter sido ator mirim, segundo ele é “a quantidade de bagagem que você traz desde muito cedo, isso contribui com minha trajetória como ator”, disse. Foi ele, inclusive, que protagonizou o primeiro beijo gay da Globo, em 2014, em “Amor à Vida”. Quando ele interpretava Niko e dividia a cena com Mateus Solano, que deu vida a Felix.

Thiago Fragoso comentou sobre a paternidade e a carreira (Foto: Reprodução / Instagram / @thiagofragoso)

Ainda assim, apesar de ter tido muitos sucessos como ator, Thiago acredita que a questão mais importante de sua vida é outra: “Meu papel mais importante é ser pai. É o que me coloca em contato com o maior senso de responsabilidade”. Fragoso é pai de dois meninos, Benjamin, 10 anos, e Martin, de 1 ano. Os dois frutos do relacionamento dele com Mariana Vaz.

“Ser pai é dar educação, limite, falar não. Eu tento obviamente equilibrar o lado do afeto, da brincadeira e da responsabilidade. Eu sou um pai mão na massa”, resumiu. “Quero criar dois homens responsáveis, carinhosos, que não sejam machistas. Para o Benjamin, que tem 10, a gente fala sobre racismo, machismo, direito das pessoas. Ele é sensível”.