Tia de menina que caiu do 12° andar fala pela primeira vez sobre caso e situação da família

A menina Rafaella, de 6 anos, caiu do 12° andar de um prédio na Praia Grande no último sábado, dia 11 de junho. Agora, a tia dela usou rede social para atualizar todos sobre o estado da família

Resumo da Notícia

  • Uma menina de 6 anos caiu do 12° andar de um prédio
  • O apartamento estava sem rede de proteção
  • A tia da menina comentou sobre o acidente

Rafaella Lozzardo Silva, de apenas 6 anos, caiu do 12° andar de um prédio no litoral de São Paulo na madrugada do último sábado, dia 11 de junho, e não resistiu. Foi constatado que o pai da menina havia a deixado sozinha no apartamento que não possuía rede de proteção.

-Publicidade-
O apartamento de menina de 6 anos que caiu do 12° andar não possuía rede de proteção
O apartamento de menina de 6 anos que caiu do 12° andar não possuía rede de proteção (Foto: Reprodução/ Redes sociais)

Desde o ocorrido, a família não havia se pronunciado ainda sobre o acidente. A tia da criança quebrou o silêncio e publicou nas redes sociais sobre o estado da família: “Quero agradecer cada recado, cada palavra, cada sentimento… Não está sendo fácil, ainda não estamos com cabeça para conversar… conseguir responder… Estamos com o coração dilacerado… Assim que as coisas se acalmarem respondemos todos. Por agora… Só agradecer mesmo o gesto de cada um…”.

Depois de 4 dias do acidente em que menina caiu do 12° andar de prédio, tia se pronuncia em rede social
Depois de 4 dias do acidente em que menina caiu do 12° andar de prédio, tia se pronuncia em rede social (Foto: Reprodução/G1)

Em entrevista ao G1, outras pessoas que conviviam com a menina de 6 anos, como vizinhos, contaram também estão chocadas com o que aconteceu. Michelle Sanches, uma funcionária que trabalha no restaurante que a família frequentou poucos dias antes do acidente falou sobre como Rafaella estava anteriormente: “Ela estava muito feliz, muito alegre, uma criança cheia de energia e sorridente”.

Além disso, Michelle contou que o filho chegou a fazer amizade com a menina por conta de frequência da família no estabelecimento, e relembrou um momento engraçado entre os dois após um pedido de namoro feito pelo menino: “Até pediu para namorar com ela. Coisa de criança. E ela disse que não, que ele era muito feio”.