Vacina da covid: Pfizer inicia testes do imunizante em crianças de 6 meses a 12 anos

O laboratório pretende ampliar a faixa etária que pode receber as doses até 2022

Resumo da Notícia

  • Pfizer inicia testes do imunizante em crianças de 6 meses a 12 anos
  • O laboratório pretende ampliar a faixa etária que pode receber as doses até 2022
  • Nesse primeiro momento, 144 voluntários receberão as doses

A Pfizer e a parceira alemã BioNTech começaram a testar a vacina que estão produzindo contra a covid-19 em crianças menores de 12 anos. Os testes tem como objetivo ampliar a faixa etária que pode receber o imunizante até 2022. De acordo com o porta-voz da Pfizer, Sharon Castillo, dadas ao portal R7, os primeiros voluntários do teste de estágio inicial receberam a primeira dose do imunizante na última quinta-feira, 25 de março.

-Publicidade-
Pfizer inicia testes do imunizante em crianças de 6 meses a 12 anos (Foto: Freepick)

A vacina já foi autorizada por agências reguladoras dos Estados Unidos no final de dezembro para pessoas com mais de 16 anos. Até o momento, o país já recebeu quase 66 milhões de doses da vacina, segundo informações do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA. Além de outros países, a vacina também obteve registro no Brasil concedido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Nesses testes pediátricos, os voluntários mais novos são bebês de 6 meses e os mais velhos têm 12 anos. Inicialmente, a Pfizer e a BioNTech planejam verificar a segurança da vacina em três dosagens diferentes em um teste de estágio inicial e intermediário com 144 participantes. Posteriormente, o laboratório vai fazer um teste de estágio avançado com  4.500 participantes no qual avaliarão a segurança, a tolerância e a reação imunológica gerada pela vacina.