Viúva de Nick Cordero usa cinzas do ator para fazer vasos: “Uma forma de mantê-lo vivo”

Amanda Kloots mostrou nas redes sociais como ela e o filho de 1 ano, Elvis, quiseram homenagear o ator, que faleceu de Covid-19 em julho

Resumo da Notícia

  • Amanda Kloos que perdeu o marido Nick Cordero para a covid-19
  • A viúva contou que misturou as cinzas do ator com argila e produz vasos
  • Amanda disse como ela e o filho Elvis, de um ano, trabalharam o barro que foi misturado com algumas das cinzas do ator

Nesta última terça-feira, 23 de setembro, Amanda Kloos que perdeu o marido Nick Cordero para a covid-19, compartilhou nas redes sociais como ela mantém a lembrança do ator viva. A viúva contou que misturou as cinzas do ator com argila e produz vasos.

-Publicidade-
A família deixou mensagens de apoio (Foto: reprodução / Instagram @nickcordero1)

“Minha amiga de anos na Broadway tem um negócio de cerâmica incrível em Los Angeles e ela nos convidou para fazer cerâmica usando algumas das cinzas de Nick”, disse Amanda. “Recentemente, aprendi de quantas maneiras você pode reaproveitar cinzas e fazer coisas novas com elas. Eu acho que é além de bonito, uma forma de mantê-lo vivo!”, contou.

Em um post do Instagram, Amanda disse como ela e o filho Elvis, de um ano, trabalharam o barro que foi misturado com algumas das cinzas do ator. “Elvis e eu molhamos as mãos e colocamos as mãos na argila para fazer nossas marcas na peça. Será um vaso!”, escreveu ela. “Isso foi tão incrível e realmente me senti especial. Uma maneira de transformar algo triste em algo alegre”, disse.

-Publicidade-
(Foto: Reprodução / Instagram @amandakloots)

Nos Stories, Kloots, que se casou com Nick Cordero em 2017, explicou que espalhou algumas das cinzas do falecido marido no oceano Pacífico. Ela disse que também planeja usar um pouco das cinzas em joias. “Será apenas uma bela lembrança de Nick, em vez de uma triste lembrança”, disse ela.

No dia 30 de março, Nick Cordero foi internado no Cedars-Sinai Medical Center, em Los Angeles, sofrendo de pneumonia e depois testou positivo para coronavírus. Ele foi colocado em um respirador e, em meados de abril, teve sua perna direita amputada devido a complicações. Ele sofreu graves danos aos pulmões, perdeu 25 kg e estava tão fraco que não conseguia se mexer ou falar. Depois de mais de 90 dias na UTI, ele faleceu no dia 5 de julho aos 41 anos.

Relembre o caso

A viúva falou sobre a dor da perda (Foto: reprodução / Instagram @amandakloots)

Aos 41 anos, após enfrentar diversas complicações do novo coronavírus, Nick Cordero não resistiu. O ator, famoso pela série Lei & Ordem e também por ser um astro na Broadway, deixou a esposa, Amanda Kloots, e o filho de dez meses do casal, Elvis. Ele ficou internado desde março no Hospital Cedars-Sinai, em Los Angeles, e chegou a amputar a perna direita por causa do covid-19.

Pelo Instagram, Amanda fez um desabafo ao dar a notícia: “Deus tem outro anjo no céu agora. Meu querido marido faleceu esta manhã. Ele estava cercado de amor por sua família, cantando e orando enquanto deixava gentilmente esta terra. Estou incrédula e ferida em todos os sentidos e lugares. Meu coração está partido porque eu não consigo imaginar nossas vidas sem ele. Nick era uma luz tão brilhante. Ele era amigo de todos, adorava ouvir, ajudar e principalmente conversar. Ele era um ator e músico incrível. Ele amava sua família e adorava ser pai e marido. Elvis e eu sentimos sua falta em tudo o que fazemos, todos os dias”, lamentou.

-Publicidade-