Will Smith relembra pedido inesperado do filho após filme que atuaram juntos receber críticas

Ator comenta sobre como o filme ‘Depois da Terra’ abalou sua relação com o filho e levou à um pedido triste

Resumo da Notícia

  • Will Smith comenta sobre pedido inusitado do filho
  • Ator afirma que é uma pena saber que machucou Jaden
  • Livro autobiográfico do ator foi lançado 9 de novembro

Will Smith, ator conhecido por Um Maluco no Pedaço, sitcom lançada em 1990, publicou sua autobiografia, intitulada de “Will” no último dia 9. A obra contém relatos sobre sua ascendência à fama, relacionamento com parentes e também detalhes sobre um pedido inusitado de seu filho, Jaden Smith.

-Publicidade-

Em consequência do sucesso da dupla, uma nova obra foi protagonizada, e dessa vez, co-produzida por Jada Pinkett Smith, mãe de Jaden. ‘Depois da Terra’, lançado em 2013 foi uma tragédia total, o filme arrecadou somente 73 milhões de dólares, e a crítica não pegou leve “teve uma bilheteria abismal e foi um fracasso de crítica. E o pior é que Jaden foi atingido. Os fãs e a imprensa foram absolutamente cruéis; eles disseram e publicaram coisas terríveis sobre Jaden que eu me recuso a repetir. Jaden tinha feito fielmente tudo o que o instruíra a fazer, e sem saber, eu o levei para o pior espancamento público que ele já experimentou”, afirmou Will Smith.

Após receber as críticas e ameaças, Jaden, que na época tinha 15 anos fez um pedido inusitado ao pai, que ele fosse emancipado. “Nunca conversamos sobre isso, mas sei que ele se sentiu traído. Quando Jaden me perguntou sobre ser emancipado, meu coração se partiu.”, acrescentou. Após o pedido, o jovem optou pela não emancipação, mas Will afirma que é uma pena saber que machucou o filho.

Jaden faz pedido inusitado para pai após protagonizarem o longa 'Depois da Terra'
Jaden faz pedido inusitado para pai após protagonizarem o longa ‘Depois da Terra’ (FOTO: Reprodução / Instagram / Depois da terra – Columbia Pictures)

Ainda em sua autobiografia, Will contou sobre a violência do pai e como isso o transformou em quem é hoje, também usou o espaço para falar sobre autoconhecimento e evolução. “Quando tinha  nove anos, vi meu pai socar a minha mãe na lateral da cabeça com tanta força que ela desmaiou. Eu a vi cuspir sangue. Aquele momento, naquele quarto, mais do que qualquer outro da minha vida, provavelmente definiu quem eu sou hoje”, comentou.