Xepa da vacina abre para crianças de 5 a 11 anos sem comorbidades: veja como fazer a inscrição

As vagas remanescentes dos imunizantes aplicados nos postos de saúde terão uma lista de espera para controlar o fluxo de vacinas

Resumo da Notícia

  • A cidade de São Paulo abriu vagas de xepa da vacina para crianças de 5 a 11 anos sem comorbidades;
  • As unidades de saúde devem organizar uma lista de espera própria com crianças que morem ou estudem na mesma região do posto;
  • A vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a covid-19 começou nesta segunda-feira, 17 de janeiro, em São Paulo.

Nesta segunda-feira, a Secretaria Municipal da Saúde divulgou a abertura de vagas remanecentes do imunizante aplicado em crianças de 5 a 11 anos, feito pela Pfizer. A ‘Xepa Kids’ será aplicada em crianças sem comorbidades ou deficiência na cidade de São Paulo.

-Publicidade-

Segundo informações fornecidas para o G1 da Secretaria Municipal de Saúde, o objetivo é que nenhuma dose da vacina Pfizer sobre ao final do expediente dos locais de aplicação.

Em comunicado, as autoridades sanitárias também disseram que cada unidade de saúde deve organizar uma lista de espera própria com crianças que morem ou estudem na mesma região do posto.

Vacinação crianças
Os responsáveis devem informar um telefone para contato para realizar o cadastro da ‘Xepa Kids’ (Foto: ThinkStock)

Para fazer a inscrição na “xepa”, é necessário ir ao posto mais próximo de sua casa ou escola, com um comprovante de endereço e informar um telefone, onde será informado caso exista vacinas restantes no posto selecionado.

Vacinação em crianças

A cidade de São Paulo iniciou nesta segunda-feira (17) a vacinação contra Covid-19 de crianças de 5 a 11 anos com comorbidades, com deficiência, indígenas e quilombolas.

A vacinação de crianças de 5 a 11 anos de idade contra a covid-19 começa na próxima segunda-feira, 17 de janeiro, na cidade de São Paulo. O pré-cadastro para a imunização desta faixa etária já está disponível no aplicativo “Vacina Já”, e a data de início foi confirmada pelo Secretário Municipal de Saúde, Edson Aparecido, ao portal CNN.

“Ainda não sabemos qual será a quantia de vacinas que devem chegar [à capital de SP], mas o que vier já vamos usar e vacinar a partir de segunda-feira”, afirmou Edson.

Três doses de vacina neutralizam Ômicron, afirmam Pfizer e BioNTech
Três doses de vacina neutralizam Ômicron, afirmam Pfizer e BioNTech (Foto: Getty Images)