Yasmin Brunet leva golpe e perde R$ 7,9 mil em aplicativo de comida: caso serve de alerta

A modelo compartilhou a situação em seu Instagram e alertou aos seguidores para que não caiam na mesma situação que ela

Resumo da Notícia

  • Yasmin Brunet caiu em um golpe de aplicativo e perdeu mais de R$ 7 mil reais
  • Ela compartilhou a situação nas redes sociais para alertar aos seus seguidores
  • Yasmin é filha de Luiza Brunet e esposa de Rafael Medina

Yasmin Brunet levou um golpe em aplicativo de entrega de comida e compartilhou a situação no Instagram. A modelo perdeu R$ 7,9 mil reais e usou a rede social para contar o caso e alertar os seguidores, para que não passem por isso também.

-Publicidade-

O caso aconteceu no Rio de Janeiro, e Yasmin contou que o motoboy passou o valor alto no cartão dela usando truque de mostrar o preço no celular. “Ele me mostrou R$ 77 na tela do telefone dele, como se estivesse conectado na maquininha. Só que na tela da maquininha não aparecia nada, nenhum número”, ela detalha.

Yasmin Brunet e (Reprodução / Instagram)

Apesar de não achar aquilo comum, a modelo passou o cartão. “Eu senti que estava estranho, mas achei que estava noiada, porque isso nunca tinha acontecido comigo. Eu passei, coloquei a minha senha”, conta. Ela ainda explica que ouviu o som de que o cartão havia passado, mas o motoboy disse que não tinha ido e teriam que tentar novamente.

“Eu ouvi o bipe que tinha aceito, e ele virou e me falou que tinha dado cartão não autorizado e que eu ia ter que passar de novo. Eu falei: ‘Me mostra que deu não autorizado? Eu sei que passou, preciso que você me mostre’. Ele disse que eu tinha que pagar o valor da comida, que R$ 77 era o valor da taxa de entrega. Ele começou a enrolar, começou a tremer”, ela lembra, detalhando que o rapaz ficou nervoso.

Yasmin é filha de Luiza Brunet, e contou sobre o golpe que sofreu em aplicativo de pedido de comida (Foto: Reprodução/Instagram @yasminbrunet1)

Depois dos questionamentos dela e da desconfiança, o entregador foi embora e ela na hora ligou na operadora do cartão para checar se estava tudo bem. “Você acredita que o cara me roubou R$ 7 mil e 900 reais? Eu fiquei em choque quando a mulher falou”, conta, na sequência.

Ela ainda tentou entrar em contato com o restaurante que havia feito o pedido, mas disse que ficou desconfiada também. “Uma mulher atendeu e fingiu que estava trabalhando no restaurante que eu pedi a comida. Falei que era Yasmin e que o cara me disse que não ia conseguir me entregar. Ela pediu desculpas e perguntou se queria que enviasse outro prato”.

Yasmin ainda conta que a mulher tentou convencê-la de cancelar o pedido no aplicativo, com a desculpa de que a refeição sairia de graça. “Ela esperou eu cancelar e ficou perguntando: mas você cancelou?”.

Pouco depois, um entregador chegou com o pedido, mas não se identificou e nem ao menos tirou o capacete. Ele também teria parado a moto do outro lado da rua, para que a câmera não pudesse identificar a placa. “Quando é assim, você não consegue ver o motoboy vindo pelo GPS do aplicativo e também não tem como você provar que foi o motoboy desse aplicativo, porque você cancelou o pedido, e fica registrado que o motoboy sofreu um acidente ou que a moto quebrou”, detalha.

Questionada sobre ter recebido a comida, ela explica que recebeu, mas que ela já estava gelada. Por isso, a modelo desconfia que o motoboy tenha ficado esperando ela mandar uma mensagem reclamando da demora para poder aplicar o golpe.

Após a situação, ela usou o caso para alertar os seguidores: “Nunca, em hipótese alguma, coloquem seu cartão em uma máquina que não parece o valor. Tem que tomar muito cuidado com isso gente, sério. Desconfiem mesmo, tem que desconfiar”. Ela ainda comentou sobre já ter lido a respeito dos golpes, mas não achou que isso poderia acontecer com ela.