3 exercícios para aliviar as dores nas costas na gravidez

É normal sentir dores na lombar, principalmente entre o segundo e o terceiro trimestre da gestação, saiba como aliviar

Quando anunciamos a gravidez, mulheres mais experientes já vêm logo com um discurso sobre todos os obstáculos que teremos que enfrentar antes de ver a carinha do bebê. Um dos mais recorrentes são as dores nas costas. Essa dor, chamada lombalgia gestacional, é um desconforto na parte de baixo das costas causada pelo aumento da curvatura da coluna, pois com o crescimento do útero há um deslocamento do centro de gravidade do corpo para frente. Normalmente essas dores são sentidas entre o segundo e o terceiro trimestres da gestação.

-Publicidade-

Alguns exercícios podem ajudar no alívio da dor lombar por meio do relaxamento e do fortalecimento muscular da região posterior das costas, abdominal e membros inferiores. É importante que os exercícios sejam sempre orientados por um profissional de saúde especializado, que após uma avaliação inicial e de acordo com o período gestacional, poderá acompanhar e indicar os exercícios mais adequados para cada mulher.

Consultoria: Regis Severo, fisioterapeuta que atua na área de Pesquisa e Desenvolvimento da Mercur e Tania Fleig, Fisioterapeuta do Núcleo de Conhecimento Técnico da  Mercur.

Colocar os exercícios de alongamento em dia pode ser ainda mais divertido na companhia do bebê. Saiba como fazer isso em casa (Foto: iStock)

Exercício físico na gravidez pode salvar seu filho de problemas de saúde quando adulto, diz estudo

Uma pesquisa publicada recentemente sugere que os exercícios durante a gravidez podem fazer com que as mães reduzam significativamente as chances dos filhos desenvolverem diabetes e outras doenças metabólicas mais tarde na vida. O estudo descobriu que exercício materno durante a gravidez evitou a transmissão de doenças metabólicas dos pais para o filho.

A pesquisa, por enquanto, foi feita usando ratos de laboratório. Para os pesquisadores, se a descoberta for verdadeira em humanos, o resultado terá uma grande relevância, pois será capaz de ajudar mulheres grávidas a garantir que os filhos vivam da forma mais saudável possível. Isso significa que, em breve, a primeira ida de uma mulher ao médico após a concepção pode incluir a receita de um programa de exercícios.

“Sabe-se que a maioria das doenças crônicas de que falamos hoje é de origem fetal. Isso quer dizer que as más condições de saúde dos pais antes e durante a gravidez têm consequências negativas para a criança, potencialmente por meio da modificação química dos genes”, disse o pesquisador Zhen Yan, PhD, especialista em exercícios da University of Virginia School of Medicine. “Fomos inspirados por nossa pesquisa anterior com camundongos, sugerindo que exercícios aeróbicos regulares para uma mãe obesa antes e durante a gravidez podem proteger a criança do início precoce do diabetes. Neste estudo, fizemos as perguntas, o que aconteceria se uma mãe obesa se exercitasse apenas durante a gravidez , e se o pai for obeso?”, completou ele.