5 dúvidas que você provavelmente tem sobre os chutes do bebê durante a gravidez (e suas respostas)

Antes que você se preocupe por que seu bebê está se movendo demais ou de menos, veja as respostas dessas perguntas

Resumo da Notícia

  • Muitas mães ficam ansiosas para sentir os movimentos do bebê ao descobrir a gestação
  • Antes que você fique tensa ou preocupada, veja as respostas dessas 5 perguntas
  • 5 dúvidas que você provavelmente tem sobre os chutes durante a gravidez (e suas respostas)

Ao descobrir a gravidez, pode ser que você fique ansiosa – e aflita – sobre os famosos “chutes” do feto. Antes que você se desespere por não sentir seu bebê se mexendo ou que se preocupe com a quantidade de movimentos, veja as respostas dessas 5 perguntas:

-Publicidade-
Chutes durante gestação (Foto: reprodução / Getty Images)

Quando os chutes começam a aparecer?

As mulheres grávidas geralmente sentem os primeiros movimentos fetais por volta das 17 semanas de gravidez, diz Georgia Rose, coordenadora de parteiras do Village Maternity, na cidade de Nova York. Mas, como cada mulher é diferente, isso pode acontecer em qualquer momento entre a 13° e a 25° semana de gestação. Rose menciona que mulheres que já deram à luz pelo menos uma vez podem reconhecer os movimentos fetais mais cedo, pois já sabem o que esperar. Ela ressalta, ainda, que se sua placenta for anterior (situada na frente do útero), pode ser que você não detecte os chutes tão facilmente.

Qual é a sensação?

Os movimentos costumam ser parecidos com pontadas, tremores ou gases. Rose diz que muitas mães de primeira viagem confundem os movimentos fetais com gases. Conforme sua gravidez se desenvolve, os movimentos se tornam mais claros – e podem se parecer com chutes ou socos (sem dor) no terceiro trimestre.

-Publicidade-

Além disso, a movimentação pode ser mais óbvia em determinados momentos do dia. “Os bebês ficam mais quietos durante a manhã e à tarde, e mais ativos à noite. Os movimentos podem até acordar as mulheres ”, diz Rose. Ela acrescenta que os bebês podem responder a certos alimentos (como cafeína ou açúcar), sons (como a voz do pai) e ações (como acariciar a barriga).

Com que frequência o bebê se move?

“Depois que a movimentação começa, você pode não sentir os “chutes” fetais todos os dias”, diz Rose. “Há uma grande quantidade de líquido amniótico e um bebê que é pequeno e leve se movendo”. No entanto, quando você chega à 24°-26° semanas de gravidez, o bebê tem menos espaço – por estar maior – e você provavelmente sentirá movimentos diariamente.

Por que o bebê se move?

“O movimento fetal é essencial para o desenvolvimento do bebê”, diz Rose. “Eles precisam se esticar e se mover para se desenvolver adequadamente”. Esses movimentos ajudam seu filho a se preparar para a vida fora do útero. Se o seu filho não estiver se mexendo, isso pode indicar uma complicação. Como, por exemplo, o bebê pode não estar recebendo nutrientes suficientes da placenta ou você pode ter níveis baixos de líquido amniótico.

E se você não sentir o bebê se mexendo?

Nem todas as mulheres sentirão as movimentações por volta das 17 semanas de gravidez – e isso não indica necessariamente problemas de saúde. “O que a mãe sente nem sempre se correlaciona com o que está acontecendo no útero”, diz Rose. Mas de qualquer maneira, ela recomenda contar ao seu ginecologista ou obstetra se você não detectou movimentações em 18-20 semanas. Seu médico fará testes para garantir que tudo está bem.

Também existem diretrizes para contar o movimento fetal após 28 semanas. Em geral, você pode detectar 10 movimentos em 2 horas. A contagem de chutes é conhecida por prevenir a natimortalidade e ajuda a garantir o bem-estar do bebê à mãe. Se você notar uma diminuição na contagem de chutes do bebê, consulte um médico para descartar quaisquer problemas com a gravidez.

-Publicidade-