Gravidez

6 coisas que você precisa saber antes de ter um bebê

Futuras mães de primeira viagem, vejam essas dicas

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

mother-and-her-crying-little-son-picture-id483332224

(Foto: iStock)

Sim, ser mãe é incrível. As pessoas ao seu redor sempre vão te lembrar diversas vezes de como o momento com o bebê é único e que você é abençoada e sortuda de estar vivendo isso. E você realmente é! Mas existem algumas coisas sobre a maternidade que ninguém te conta, coisas que você não está preparada e descobrirá vivendo. Baseado em um desabafo de Rita Dali, membro da comunidade Bored Panda e mãe de dois, selecionamos seis coisas que uma mãe gostaria de saber antes de ter o bebê:

1. Amamentação:

Esta é uma escolha e nem toda mãe quer seguir. Existem as que querem amamentar os filhos e as que não querem. Porém, a amamentação é um processo que você pensa que pode ser simples, mas é totalmente ao contrário. A boca do bebê é bem pequena e, no início, pode machucar muito. É necessário bombear o leite bastante para ter certeza que a quantidade está aumentando e, quem sabe, usar um protetor de seios.

2. Bomba de leite:

Muitas mães acham que não vão precisar deste acessório, que não há necessidade de pagar por algo que ficará “encostado”. Mas na verdade bombear o leite é ótimo para garantir que ele não seque. Além disso, você poderá congelá-lo em saquinhos e usá-lo em alguma ocasião, como em um passeio ou para conseguir uma hora extra de sono, já que outra pessoa poderá dar o leite.

3. Cólica:

Os bebês podem ter cólicas nos três primeiros meses de suas vidas. Esses dias podem ser difíceis e longos. O bebê chora constantemente e não há nada que você possa fazer, mas pelo menos existem maneiras para que eles fiquem mais confortáveis durante esse período.

4. Ruído branco:

Realmente funciona! Esse tipo de som tem todas as freqüências na mesma potência, então faz com que ajude no sono. Isso também os lembra do sangue correndo em suas veias e do ventro. O truque é encontrar o barulho que eles preferem.

5. Dormindo:

No começo, eles dormem o tempo todo. A única pessoa que não está dormindo é você. Eles estão acordando a cada hora para mamar. Então, à medida que envelhecem, começam a ter longos períodos de sono, que se tornam complicados. Eles esquecem como dormir sozinhos, precisam da nossa ajuda. É necessário treiná-los para isso.

6. Exaustão mental e física:

No início você se sentirá tão cansada que vai chegar a duvidar de você mesma, vai ter medo de ser uma mãe terrível e a responsabilidade tomará conta de você. Seu corpo vai implorar uma pausa que você não poderá fornecer e isso afetará seu estado mental. Procure ter sua família por perto e tenha na cabeça que, sim, as primeiras semanas são exaustivas, mas saiba que isso não é para sempre e tudo isso vale muito a pena!

Leia também:

21 coisas pra dizer a uma mãe de primeira viagem

O que os pais experientes têm a dizer para os pais de primeira viagem

Vai visitar um recém-nascido? Veja 10 coisas que os pais de primeira viagem gostariam de te falar

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não